Cidades

Os fatos mais marcantes registrados pelo Circuito Mato Grosso

O ano começou com muita expectativa sobre o início do mandato do novo Prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro. A promessa da nova gestão era devolver à Capital a beleza e autoestima abaladas pelos canteiros de obras da Copa-2014, evento que até hoje deixou seus reflexos e cicatrizes na cidade, sem muitos legados positivos. 

O prefeito teve o início de sua gestão abalado pelos escândalos decorridos da delação do ex-chefe de gabinete de Silval Barbosa, o que desencadeou a formação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, conhecida como CPI do Paletó na Câmara dos Vereadores. A imagem do novo prefeito e de deputados estaduais, supostamente, se apropriando de dinheiro público chocou a população.

O caos na saúde e o sofrimento dos cidadãos na capital e no interior de Mato Grosso foram outras imagens sofridas registradas nas reportagens do ano. Que também trouxeram lampejos de esperança ao registrarem o empreendedorismo dos jovens cuiabanos e resgataram os bastidores da Sétima Vara do Tribunal de Justiça do Estado, na qual a Juíza Selma Arruda julga processos contra a corrupção como os da Operação Ararath, que investiga o dinheiro desviado pelo ex-governador que executou as obras do Mundial-2014.  

O ano também foi marcado por despedidas de personalidades célebres, como o professor Aecim Tocantis, que foi prefeito e vereador por Cuiabá e nos fez relembrar valores que precisam ser resgatados, como a integridade e o amor a nossa terra.

Desejamos a todos uma boa leitura e que a lembrança dos fatos de 2017 seja um apoio para construirmos um 2018 melhor para todo o Mato Grosso! 

 

 

 

 

 

 

Redação

About Author

Reportagens realizada pelos colaboradores, em conjunto, ou com assessorias de imprensa.

Você também pode se interessar

Cidades

Fifa confirma e Valcke não vem ao Brasil no dia 12

 Na visita, Valcke iria a três estádios da Copa: Arena Pernambuco, na segunda-feira, Estádio Nacional Mané Garrincha, na terça, e
Cidades

Brasileiros usam 15 bi de sacolas plásticas por ano

Dar uma destinação adequada a essas sacolas e incentivar o uso das chamadas ecobags tem sido prioridade em muitos países.