PUBLICIDADE
VEJA O VÍDEO

Vereador de Sinop é gravado em carro superlotado com mulheres e bebidas

O vídeo mostra mulheres no colo do parlamentar, duas pessoas na frente e ainda som alto

José Wallison

Da redação

13/02/2018 14h01 | Atualizada em 14/02/2018 08h42

O vereador de Sinop (360 km de Cuiabá) e piloto de MotoCross freestyle, Gilmar Flores, conhecido como Joaninha (MDB), teve um vídeo divulgado em que aparece com mulheres e ingerindo bebida alcoólica num veículo. Ele está sem cinto de segurança e visivelmente embriagado.

O vídeo mostra mulheres no colo do parlamentar, duas pessoas na frente e ainda som alto. As imagens viralizaram nas redes sociais e gerou inúmeras críticas da população sinopense.

Joaninha concorreu em 2016 o cargo de vereador e foi eleito com mais de 1,6 mil votos.

Na manhã desta terça (13), ele se posicionou sobre o episódio. Por meio de nota, disse que tinha se apresentado em Santarém (PA) e o veículo com o qual retornava atolou. 

Confira a nota na íntegra

 

No último domingo (10), nos deslocando pelo interior de Santarém (PA), o veículo em que estávamos eu e o piloto Henrique Balestrin, atolou nas proximidades de uma praia localizada no distrito de Alter do Chão. Na ocasião, fazíamos um passeio, em um momento de descontração após realizarmos apresentação de Motocross na região. 

Um grupo de amigos que passava pela via nos ofereceu carona até um local onde pudemos acionar o serviço de um guincho. No caminho, os caronas, inclusive nós, ingeriram bebida alcoólica. Salientamos que no momento do ocorrido, não estávamos a trabalho e nem conduzindo o veículo que nos socorreu, o qual era guiado por pessoa habilitada e que não fazia uso de bebida alcoólica. Portanto, não incorremos em nenhuma espécie de crime. Faz-se destacar ser de responsabilidade do condutor o que se passa no interior do veículo.

Um vídeo sobre o fato está circulando nas redes sociais, favorecendo uma interpretação equivocada do ocorrido, com o aparente objetivo de denegrir e desconstruir a nossa imagem profissional. 

Saliento de que na ocasião, estava em um momento de descontração, somado ao fato de que no momento, não mantenho relações de cunho matrimonial ou do gênero. Somos humanos e estamos sujeitos a erros. Não nos eximimos desse mau exemplo e fazemos um pedido público de desculpas. 

Atenciosamente,
Assessoria 

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE