PUBLICIDADE
OPERAÇÃO LAVA JATO

Dodge reforça equipe da Lava Jato na PGR com procurador do Paraná

Alessandro José Fernandes atuava em investigações eleitorais no estado

13/01/2018 08h27 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Dodge reforça equipe da Lava Jato na PGR com procurador do Paraná

Ailton de Freitas

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, escolheu o procurador da República Alessandro José Fernandes, que atua no Paraná, para reforçar o grupo de trabalho de procuradores que atuam nas investigações sobre políticos na Operação Lava Jato.

A portaria designando o procurador foi publicada nesta sexta-feira (12) no “Diário Oficial da União”. Com isso, a equipe de investigadores da PGR nos inquéritos do caso que tramitam no Supremo Tribunal Federal (STF) passa a contar com 11 membros. São eles:

Raquel Branquinho Pimenta Mamede Nascimento (Secretária da Função Penal Originária no STF)

- José Alfredo de Paula Silva (Coordenador)

- Alessandro José Fernandes de Oliveira

- Galtienio da Cruz Paulino

- Hebert Reis Mesquita

- Jose Ricardo Teixeira Alves

- Luana Vargas Macedo

- Marcelo Ribeiro de Oliveira

- Maria Clara Barros Noleto

- Pedro Jorge do Nascimento Costa

- Victor Riccely Lins Santos

O grupo de trabalho foi criado em 2015 pelo antecessor de Dodge na PGR, Rodrigo Janot, que apresentou ao STF a primeira leva de pedidos de inquérito sobre políticos suspeitos de envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras.

Originalmente, a equipe contava com 10 membros do Ministério Público; da formação original, só permaneceram Maria Clara Barros Noleto e Pedro Jorge do Nascimento Costa.

Segundo a assessoria da PGR, embora passe a integrar o grupo da PGR, Fernandes também continuará atuando na Procuradoria da República no Paraná. No estado, ele exerceu até 2016 o cargo de procurador regional eleitoral, responsável por investigações em disputas eleitorais.

FONTE: Renan Ramalho, G1, Brasília

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE