PUBLICIDADE
Ex-CASSADOS

Duas cidades de MT terão eleições para escolherem novos prefeitos

Candidatos foram impugnados pela Justiça Eleitoral e tiveram seus registro cassados conforme imposto pela Lei da Ficha Limpa

Da Redação

Equipe

13/11/2017 16h59 | Atualizada em 13/11/2017 17h56

Duas cidades de MT terão eleições para escolherem novos prefeitos

Reprodução/Internet

Os eleitores de Primavera do Leste e Mirassol D'Oeste (300 km distante de Cuiabá) vão às urnas novamente no próximo domingo (19) para escolher o prefeito e o vice-prefeito, que comandarão o Poder Executivo das respectivas cidades até 2020. A decisão se deu em razão do indeferimento de candidaturas dos candidatos que mais obtiveram votos no pleito de 2016, cujos registros foram cassados por causa de irregularidades durante a campanha. Em ambos os municípios, a votação acontece entre 8h e 17 horas, horário de Mato Grosso.

Getúlio Viana foi o que mais recebeu votos nas eleições passadas em Primavera. Mesmo com a candidatura impugnada, ele tomou posse e usufruiu do cargo por um curto período. Depois, ele foi afastado peça Justiça e condenado em 2ª Instância por ser considerado “ficha suja”.

Já o candidato a prefeito de Mirassol D’Oeste, Euclides Paixão (PP), é suspeito de ter fraudado uma licença médica com a finalidade de viabilizar sua candidatura na eleição suplementar.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), somente em Primavera são mais de 39 mil eleitores, aptos a votar. Contudo, os 17 locais de votação estão distribuídos na zona urbana  e rural, a exemplo da Escola Municipal Carlos Drummond de Andrade que está situada a 60 km do município. Para a realização desse pleito, a Justiça Eleitoral dispôs de um orçamento aproximado de R$ 120 mil.

Já em Mirassol D'Oeste, 19.328 participar do direito democrático para eleger o novo gestor. Ao todo são 11 locais de votação, sendo dois destes instalados em assentamentos: a Escola Estadual Madre Cristina, no assentamento Roseli Nunes; e a Escola Municipal Zumbi dos Palmares, no assentamento Margarida Alves. Estes locais de votação estão situados, respetivamente, a uma distância de 25 e 50 km fora da área urbanística. Para a realização dessa eleição suplementar, despesas somaram pouco mais de R$ 77 mil.

Candidatos:

Em Primavera do Leste concorrem aos cargos de prefeito e vice-prefeito duas chapas majoritárias. Uma chapa é formada por Carmen Betti Borges de Oliveira e Neri Domingos de Souza da Coligação “Avante Primavera” e outra composta por Leonardo Tadeu Bortolin e Sério Luiz Fava da Coligação “A Renovação Que Une”.

No município de Mirassol D'Oeste disputam a eleição suplementar os seguintes candidatos, respectivamente, nos cargos e prefeito e vice-prefeito: Edvaldo Rodrigues Paiva e Irineu Faria de Oliveira da Coligação “Juntos por Mirassol”; André Luis Presqueliare Gimenes e Laercio Alves Pereira do Democratas (DEM); Euclides da Silva Paixão e Fransuelo Ferrari dos Santos da Coligação “Vamos Avançar”; Gelson Candido Miranda e Antonio Gregório da Silva do Partido dos Trabalhadores (PT); e Marcel de Sa Pereira e Marcos Wilson Ribeiro do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). 

FONTE: Assessoria

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE