PUBLICIDADE

Política - Página 1003

Diário: Presidente diz que crise não mancha Câmara

Diário: Presidente diz que crise não mancha Câmara

Recém-reconduzido à presidência da Câmara de Cuiabá, o vereador João Emanuel (PSD) diz não acreditar que a polêmica que envolveu o Parlamento municipal nas últimas semanas “manche” a imagem da Casa de Leis. Defende que tudo não passou de “parte do processo democrático de direito”. 

Mesmo cassado, Henry têm direito a planos do Sírio e Einstein

Mesmo cassado, Henry têm direito a planos do Sírio e Einstein

Mesmo se perderem o mandato na Câmara, os deputados que foram condenados no processo do mensalão podem manter o plano de saúde da Casa e convênios com os melhores hospitais do País, como o Sírio-Libanês e o Albert Einstein em São Paulo (SP). Entre os 'privilegiados' está o mato-grossense Pedro Henry (PP).

Dilceu se afasta da presidência do DEM para tratar câncer

Dilceu se afasta da presidência do DEM para tratar câncer

O presidente estadual do Democratas, Dilceu Dal Bosco, entregou, esta tarde, pedido de afastamento do cargo. Ele deverá ficar fora da presidência até fevereiro do próximo ano. A justificativa do afastamento é para tratamento médico. Segundo informações de uma fonte de Só Notícias, Dilceu tem 47 anos e foi diagnosticado com um câncer de próstata. A assessoria de imprensa dele confirmou e disse que a doença teria evoluído nos últimos meses.  

Após liminar, João Emanuel é reconduzido à Presidência

Após liminar, João Emanuel é reconduzido à Presidência

O vereador João Emanuel (PSD) conseguiu liminar na justiça nesta sexta-feira (13), que o reconduz à Presidência da Câmara Municipal de Cuiabá. A desembargadora Maria Aparecida Ribeiro decidiu suspender os efeitos da liminar, concedida pelo desembargador José Zuquim Nogueira, em 5 de setembro. A decisão da desembargadora invalida a sessão do dia 29 de agosto, em que 16 vereadores da base governista do prefeito Mauro Mendes (PSB), aprovaram afastamento de João Emanuel da presidência, pelo período de 15 dias, para que o mesmo fosse investigado por atos em sua gestão da Mesa Diretora.

Vereador sugere criação de um complexo turístico em Cuiabá

Vereador sugere criação de um complexo turístico em Cuiabá

Tendo em vista desenvolver o potencial turístico de Cuiabá e o bem estar da população local, o vereador Adilson da Levante (PSB), realizou uma indicação ao Executivo, solicitando a criação de um lago com pista de caminhada e ciclísticas ao seu redor. 

Marina pedirá que TSE aceite 88 mil apoios não validados

Marina pedirá que TSE aceite 88 mil apoios não validados

Em reuniões nesta semana, dirigentes da Rede chegaram à conclusão de que não conseguirão reunir as 492 mil assinaturas de apoio até o julgamento do pedido de registro da sigla, que deve ocorrer até o início de outubro.

STF decide hoje se aceita novo recurso no julgamento do mensalão

STF decide hoje se aceita novo recurso no julgamento do mensalão

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve decidir hoje (11) se 12 réus condenados na Ação Penal 470, o processo do mensalão, têm direito a novo julgamento por meio do recurso conhecido como embargo infringente. O julgamento foi interrompido na quinta-feira (5) para que os advogados de defesa pudessem se manifestar sobre a validade dos recursos.

Fim da multa do FGTS vai prejudicar Minha Casa, Minha Vida, diz Ideli

Fim da multa do FGTS vai prejudicar Minha Casa, Minha Vida, diz Ideli

Na tentativa de costurar uma posição em torno dos vetos presidenciais a proposições aprovadas no Congresso Nacional, o governo promove reuniões nesta semana com líderes das duas Casas. Hoje (9), líderes de dez partidos da base aliada na Câmara dos Deputados debateram o assunto com a presidenta Dilma Rousseff e com os ministros da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, do Planejamento, Miriam Belchior, da Saúde, Alexandre Padilha, e de Relações Institucioanais, Ideli Salvatti, além do vice-presidente Michel Temer e de representante do Ministério da Fazenda. Amanhã (10), às 11h30, está marcado encontro de Dilma com os líderes do Senado.

Mauri deve explicar investimento em hospital a vereadores

Mauri deve explicar investimento em hospital a vereadores

O secretário de Estado de Saúde, Mauri Rodrigues de Lima, participa da sessão da Câmara de Sinop desta segunda (9), antecipada para às 14h, devido a programação de aniversário da cidade. A ida dele foi confirmada pela assessoria. Mauri deve dar explicações, após o deputado federal e ex-secretário da pasta, Pedro Henry (PP), denunciar a não aplicação de R$ 37 milhões que deveriam ser repassados ao Hospital Regional. Há uma comissão formada por legisladores que acompanham a obra.