PUBLICIDADE

Quatro são presos furtando fios de cobre da Arena Pantanal

.autor { font-size: 12px; border: 1px solid #D1D1D1; border-radius: 5px; padding: 3px; width: 100px; background-color: #ECECEC; }     Da Redação Quatro pessoas foram presas em flagrante pela Polícia Judiciária Civil, na noite desta sexta (25), por tentativa de furto de materiais das obras da Arena Pantanal, no bairro Verdão, em Cuiabá. A prisão aconteceu após a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) receber a denúncia da ação dos assaltantes.

26/10/2013 14h22 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Foram presos Cleuson Rodrigues do Nascimento, 35,Rider Jorge da Silva, 36, Rodrigo da Silva Cruz, 28, e Roniney da Silva, 22. Os quatro tentavam furtar fios de cobre das obras da Arena, quando foram flagrados por policiais da Especializada em um veículo Fiat Strada e um Gol com os cabos de cobre. Todos foram autuados por tentativa de furto qualificado.

Para efetuar as prisões, a equipe de investigadores da Derf montou campana próximo à obra e logo avistou o primeiro suspeito em uma pickup Strada estacionando no local e abastecendo o veículo com fios de cobre. O acusado foi abordado e conduzido à delegacia.

Os policiais mantiveram o monitoramento da região e em seguida um veículo Gol com dois suspeitos chegou ao local e começou a ser abastecido por uma terceira pessoa que estava escondido na obra. Os três acusados foram encaminhados a Derf.

Os suspeitos Cleuson, Rider e Rodrigo, eram trabalhadores das obras da Arena Pantanal. Cleuson Rodrigues, também conhecido por “Quinho”, possui oito passagens por roubo qualificado praticado em empresas, residências e caixas eletrônicos. Ele já teve três mandados de prisão cumpridos e estava com uma ordem de prisão em aberta. O suspeito Rider Jorge da Silva tem passagens por homicídio qualificado e Roniney da Silva antecedentes por crime de receptação.

Em depoimento, o condutor da pickup, Roniney alegou que comprou o material de uma pessoa que ele não soube identificar. O suspeito, Rodrigo, que conduzia o Gol disse que recebeu uma ligação de um dos trabalhadores da obra para ir buscar o material no local. Todos foram encaminhados ao Centro Ressocialização de Cuiabá. (informações assessoria)





Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE