PUBLICIDADE

Acusado de agredir companheira com facão é preso pela Polícia Civil em Aripuanã

Um homem acusado de violência doméstica foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na manhã desta quarta-feira (23), em Aripuanã (1.002 km a Noroeste). O acusado Miguel Cardoso Benedito, 34, foi preso em cumprimento de mandado de prisão preventiva pelos crimes de lesão corporal, ameaça e tentativa de homicídio, cometidos contra a companheira.

23/10/2013 20h12 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

A vítima vinha sofrendo as agressões há quatro meses. De acordo com as declarações da vítima, o acusado era extremamente violento e pelo menos 4 vezes utilizou um facão para bater nela. No dia 11 de outubro, após tentar matar a companheira utilizando o facão, o acusado foi detido por policiais militares do distrito de Conselvan, mas conseguiu fugir.
Alguns dias depois, o agressor mandou um recado para a companheira, por meio de um jovem que a vítima não soube identificar, dizendo que ela iria “pagar com a vida” caso ele fosse preso.
Diante das informações, o delegado de Aripuanã, Albertino Félix de Brito Junior, representou pela prisão preventiva do acusado, que foi decretada pela Justiça, juntamente com as medidas protetivas de urgência em favor da vítima.
O mandado de prisão preventiva foi cumprido na manhã desta quarta-feira (23), pela equipe de investigadores de Aripuanã. De acordo com o delegado, a prisão do agressor é fundamental para garantir a segurança da vítima “O perigo iminente de que a vítima sofra novas intimidações e a instabilidade gerada na ordem pública com as ações do acusado, evidenciam a necessidade da prisão”, disse.
Assessoria





Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE