PUBLICIDADE

Delegado sofre atentado ao chegar em casa com a família em Primavera do Leste

O delegado da Polícia Civil, Percival Eleutério, sofreu um atentado na noite deste sábado (19) quando chegava em casa com a família, em Primavera do Leste, a 239 km de Cuiabá. Ele contou que ao descer do veículo na frente da casa viu uma motocicleta seguindo em alta velocidade em sua direção e, como já sabe a forma como os criminosos agem, sacou a arma e gritou: 'Se tentar entrar, eu atiro'. Nisso, segundo a vítima, um dos assaltantes já disparou alguns tiros na direção dele.  Com a filha de um ano no colo, o delegado disse ter se jogado no chão para se proteger e proteger a criança. Ele teve escoriações no joelho devido à queda. "Vi que ele estava armado e imaginei, pela forma como eles vieram em minha direção, que fossem nos levar para dentro da casa e cometer o assalto, daí saquei a arma", lembrou. Ele contou que após a troca de tiros, o motociclista fugiu com o rapaz, que teria efetuado os disparos, na garupa. A mulher do delegado, que está grávida, estava do lado do passageiro. Ninguém se feriu durante a tentativa de assalto. Percival disse não saber se os assaltantes ficaram feridos. Até a manhã deste domingo (20) eles ainda não haviam sido localizados pela polícia. O delegado contou que se mudou para essa casa há um mês e não acredita que o atentado seja contra ele, mas que os criminosos estavam interessados em assaltar a residência, independentemente de quem fosse o morador.   G1/MT  

20/10/2013 17h07 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00





Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE