PUBLICIDADE

Grávida está entre as vítimas de acidente de avião em Mato Grosso do Sul

Dois helicópteros do Esquadrão Pelicano foram resgatar na manhã deste domingo (20) os corpos dos cinco ocupantes do monomotor prefixo NKO modelo P28R, que explodiu logo depois de cair neste sábado (19) numa região alagada do Pantanal, entre as cidades de Miranda e Corumbá, a cerca de 250 km de Campo Grande (MS). Viajavam na aeronave um casal, uma criança, a babá e um peão de fazenda.   O aparelho era pilotado pelo pecuarista Ricardo Jardim Almeida, 48, dono da fazenda Gertrudes, para onde seguia o avião. Entre os passageiros, estavam a mulher de Almeida, a relações públicas Fernanda Braga dos Santos Almeida, 35, grávida de dois meses e a filha de um ano de idade. Um peão da fazenda e uma babá de 18 anos de idade completam os passageiros. A informação sobre a identificação das vítimas é da Polícia Civil.   A área do acidente é de difícil acesso, daí a demora no resgate, ainda em andamento até por volta das 11h [horário de Brasília]. Os corpos serão levados para Campo Grande, onde o casal morava.   O aparelho NKO havia decolado no sábado às 5h30 do aeroporto Teruel, em Campo Grande, e tinha como destino a fazenda Gertrudes, situada numa região pantaneira conhecida como Nhecolândia.   O monomotor deveria pousar por volta das 7h, contudo, segundo a FAB o piloto declarou emergência às 7h11 minutos e sumiu do controle. Um avião do Esquadrão Pelicano foi acionado e, por volta das 17h, os militares socorristas viram os destroços do aparelho.   UOL  

20/10/2013 15h30 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00





Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE