PUBLICIDADE

Polícia - Página 1583

Polícia desarticula suspeitos de formação de quadrilha em Rondonópolis

Polícia desarticula suspeitos de formação de quadrilha em Rondonópolis

Por Valquiria Castil - Da redação com Assessoria    Nesta segunda-feira (21), a Polícia Militar realizou a apreensão de três adolescentes e prenderam três rapazes em Rondonópolis (217 km de Cuiabá). Os rapazes Jonathan Soares Miranda, 26, Maickon Moreira de Oliveira, 18, e Paulo César da Silva Carvalho, 20, foram presos por corrupção de menores e suspeita de praticar roubos à residência e veículos. Os jovens foram surpreendidos pela polícia em uma quitinete a que um deles residia.  

Polícia procura jovem que matou tio e sobrinho no Médio Norte

Polícia procura jovem que matou tio e sobrinho no Médio Norte

Policiais civis e militares buscam localizar um jovem que matou duas pessoas, no sábado (19) à tarde, no município de Rosário Oeste (região Médio Norte). Edmilson de Arruda, 19 anos, e Jorildo de Arruda, 26 anos, respectivamente, sobrinho e tio, foram mortos a tiros após uma confusão em uma quadra de esportes no bairro Santa Izabel. Uma funerária do município informou, ao Só Notícias, que as vítimas foram sepultadas, esta manhã, no cemitério local.

Agentes evitam fuga de 28 presos do Ferrugem em Sinop

Agentes evitam fuga de 28 presos do Ferrugem em Sinop

Agentes penitenciários evitaram que 28 presos, da cela 1, do raio amarelo, do presídio Osvaldo Florentino Leite, o "Ferrugem" escapassem. A tentativa ocorreu, ontem, por volta das 14h30. Conforme boletim de ocorrência, os agentes perceberam uma movimentação estranha na cela durante a visita dos familiares. Devido a isso, uma revista surpresa foi realizada e foi encontrado um princípio de túnel. Seis presos estavam dentro do buraco.

Polícia  divulga balanço de operação com 72 boletins de ocorrências

Polícia divulga balanço de operação com 72 boletins de ocorrências

Valquiria Castil - Da Redação    A “Operação Ocupação” teve inicio na terça-feira (15) pela Polícia Militar (PM) de Rondonópolis (217 km de Cuiabá) que atuou na região da Companhia Aurora. O objetivo principal da operação é combater a criminalidade e maximizar ações ostensivas preventivas com o intuito de reduzir a ação criminosa por parte dos infratores da lei, possibilitando assim o reflexo direto no cidadão através da sensação de segurança.

Advogados de Arcanjo tentam a 'última cartada', antes do julgamento

Advogados de Arcanjo tentam a 'última cartada', antes do julgamento

Faltando quatro dias para o julgamento, o ex-bicheiro João Arcanjo Ribeiro, 62 anos, dá a última cartada na tentativa de esquivar-se do banco dos réus pelo assassinato do empresário Domingos Sávio Brandão Júnior, proprietário do Jornal Folha do Estado, e outras quatro ações de homicídios nos quais é apontado como mandante.    Arcanjo, mais uma vez recorreu ao Supremo Tribunal Federal(STF) pedindo a anulação. O júri está marcado para o dia 24, quinta-feira. Como argumento, apresenta a decisão de extradição que o trouxe de Montevidéu, no Uruguai, onde foi preso em 11 de abril de 2003.    Como no documento internacional firmado entre a justiça uruguaia e a brasileira, constam somente o duplo homicídio que teve como vítimas Rivelino Jacques Brunini e Fauze Rachid Jaudy, e a tentativa de homicídio contra Gisleno Fernandes, não poderia sentar no banco dos réus por outras mortes.    Advogado e consultor nesse recurso, Nabor Bulhões, assinala que no tratado constam três crimes: contra o sistema financeiro (evasão de divisa e sonegação de impostos), formação de quadrilha e esses dois homicídios e a tentativa.    Uma quarta acusação listada no documento, lavagem de dinheiro, a justiça uruguaia indeferiu por ser qualificação criminosa atípica, ou seja, sem prevista na legislação do país.    Portanto, argumenta a defesa, o Brasil não tem autorização ou amparo legal para responsabilizar o ex-bicheiro por outros práticas criminosas. E se isso ocorrer, assinala, as sentenças terão de ser anuladas.    Com base no princípio da especialidade ou do efeito limitativo, explica, o país que requer a extradição, no caso o Brasil, se compromete a não processar o extraditando por crime diverso daquele que fundamentou o pedido.    Especialista em Direito Internacional, Nabor Bulhões diz desconhece decisão do Supremo aceitando a realização de julgamento de réus por crimes que não tenham sido objeto da extradição. Se aceitar, diz, está disposto a recorrer à Corte Internacional de Direitos Humanos com denúncia de descumprimento de tratado.    Como exemplo de reversão de casos similares ao de Arcanjo, o especialista cita o comandante Jorge Bandeira, ex-sócio de Paulo César Farias(PC Farias), tesoureiro do presidente deposto Fernando Collor de Melo.    Acusado de envolvimento nos crimes que levaram o presidente Fernando Collor de Melo ao impeachment, em 1995 Bandeira foi extraditado da Argentina, onde se refugiou após ter a prisão decretada. Ele diz que os crimes que não estavam na extradição foram anulados.    Acontece que há menos de dois meses a ministra Laurita Vaz, do Superior Tribunal de Justiça, já havia devolvido ação penal sobre a morte de Sávio Brandão ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso determinando que a defesa do réu parasse de entrar com recursos. Laurita disse tais recursos seriam apenas tentativas de protelar a ação do judiciário.    CASO – Arcanjo é o único que falta ser julgado pela morte de Sávio Brandão. Sávio vistoriava a nova sede no jornal quando foi surpreendido e morto a tiros no meio da rua. Os executores da pistolagem, ex-soldado Célio Alves e o ex-cabo PM Hérculos Araújo, foram condenados a 17 e 18 anos de prisão, respectivamente.    Os demais acusados, Fernando Belo e João Leite, também foram condenados, 13 e 16 anos. Entretanto, Belo foi assassinado em 2010, na porta de casa, no bairro Dr. Fábio, enquanto Leite morreu em acidente de trânsito.   VGNews  

Delegado sofre atentado ao chegar em casa com a família em Primavera do Leste

Delegado sofre atentado ao chegar em casa com a família em Primavera do Leste

O delegado da Polícia Civil, Percival Eleutério, sofreu um atentado na noite deste sábado (19) quando chegava em casa com a família, em Primavera do Leste, a 239 km de Cuiabá. Ele contou que ao descer do veículo na frente da casa viu uma motocicleta seguindo em alta velocidade em sua direção e, como já sabe a forma como os criminosos agem, sacou a arma e gritou: 'Se tentar entrar, eu atiro'. Nisso, segundo a vítima, um dos assaltantes já disparou alguns tiros na direção dele.  Com a filha de um ano no colo, o delegado disse ter se jogado no chão para se proteger e proteger a criança. Ele teve escoriações no joelho devido à queda. "Vi que ele estava armado e imaginei, pela forma como eles vieram em minha direção, que fossem nos levar para dentro da casa e cometer o assalto, daí saquei a arma", lembrou. Ele contou que após a troca de tiros, o motociclista fugiu com o rapaz, que teria efetuado os disparos, na garupa. A mulher do delegado, que está grávida, estava do lado do passageiro. Ninguém se feriu durante a tentativa de assalto. Percival disse não saber se os assaltantes ficaram feridos. Até a manhã deste domingo (20) eles ainda não haviam sido localizados pela polícia. O delegado contou que se mudou para essa casa há um mês e não acredita que o atentado seja contra ele, mas que os criminosos estavam interessados em assaltar a residência, independentemente de quem fosse o morador.   G1/MT  

Grávida está entre as vítimas de acidente de avião em Mato Grosso do Sul

Grávida está entre as vítimas de acidente de avião em Mato Grosso do Sul

Dois helicópteros do Esquadrão Pelicano foram resgatar na manhã deste domingo (20) os corpos dos cinco ocupantes do monomotor prefixo NKO modelo P28R, que explodiu logo depois de cair neste sábado (19) numa região alagada do Pantanal, entre as cidades de Miranda e Corumbá, a cerca de 250 km de Campo Grande (MS). Viajavam na aeronave um casal, uma criança, a babá e um peão de fazenda.   O aparelho era pilotado pelo pecuarista Ricardo Jardim Almeida, 48, dono da fazenda Gertrudes, para onde seguia o avião. Entre os passageiros, estavam a mulher de Almeida, a relações públicas Fernanda Braga dos Santos Almeida, 35, grávida de dois meses e a filha de um ano de idade. Um peão da fazenda e uma babá de 18 anos de idade completam os passageiros. A informação sobre a identificação das vítimas é da Polícia Civil.   A área do acidente é de difícil acesso, daí a demora no resgate, ainda em andamento até por volta das 11h [horário de Brasília]. Os corpos serão levados para Campo Grande, onde o casal morava.   O aparelho NKO havia decolado no sábado às 5h30 do aeroporto Teruel, em Campo Grande, e tinha como destino a fazenda Gertrudes, situada numa região pantaneira conhecida como Nhecolândia.   O monomotor deveria pousar por volta das 7h, contudo, segundo a FAB o piloto declarou emergência às 7h11 minutos e sumiu do controle. Um avião do Esquadrão Pelicano foi acionado e, por volta das 17h, os militares socorristas viram os destroços do aparelho.   UOL  

Pista molhada causa acidente na BR-364 entre Jangada e Várzea Grande

Pista molhada causa acidente na BR-364 entre Jangada e Várzea Grande

Pista molhada após uma leve garoa e alta velocidade podem ter sido a causa de mais um acidente na BR-364/163 entre Jangada e Várzea Grande. O acidente ocorreu no KM-454, próximo a Fazenda São João (Arcanjo). De acordo com informações colhidas no local, uma outra carreta vinha ultrapassando a carreta envolvida no acidente. Ao tentar frear para “dar espaço” para o veículo que vinha ultrapassando, o motorista da carreta com placas de Lidianópolis (PR) perdeu o controle e caiu no barranco. Além do motorista, sua esposa estava no veículo. Ninguém se feriu. A carreta estava indo para a cidade de Sorriso, região norte do Estado. A Polícia Rodoviária Federal esteve auxiliando o transito até a retirada da carreta do local.   Jangada MT