PUBLICIDADE
INVESTIGAÇÃO

Bebê é retirado morto da barriga de mãe e família acusa médica de negligência

Ao retornar no Hospital Municipal na quinta-feira por volta de 11h foi constatado que a criança estava morta dentro da barriga da mãe

Jefferson Oliveira

Jornalista

09/11/2018 15h09 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Bebê é retirado morto da barriga de mãe e família acusa médica de negligência

Ilustração

A família de uma mulher grávida que perdeu o bebê nesta quinta-feira (08) acusa uma médica do Hospital Municipal Nossa Senhora do Rosário em Guarantã do Norte (745 km de Cuiabá-MT) de ter cometido negligência no atendimento médico, o que pode ter ocasionado a morte do feto.

De acordo com as informações do boletim de ocorrências, o irmão da grávida registrou uma queixa, alegando que sua irmã C.A.P., procurou a unidade de saúde, na última terça-feira (06) para uma consulta, porém, ele informa que a médica não consultou o feto na barriga, não realizou exames para ver o batimento cardíaco da criança e solicitou apenas uma ultrassonografia e que a paciente retornasse ao hospital no dia 07 ou 08 para decidir os procedimentos do parto.

Ao retornar no Hospital Municipal na quinta-feira por volta de 11h foi constatado que a criança estava morta dentro da barriga da mãe, e que C.A.P., foi atendida somente às 12h50min, e entrou na sala de cirurgia para a retirada do feto morto, só às 20h.

O irmão registrou a ocorrência contra a médica por negligência e a Polícia Civil investiga o caso para serem tomadas as medidas cabíveis.

Outro lado

Procurado pela reportagem, uma representante do Hospital Nossa Senhora do Rosário, informou que não irá se pronunciar sobre o caso no momento, e que ainda não receberam nenhuma notificação policial ou judicial sobre o caso.

 

.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE