PUBLICIDADE
TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Travesti leva tiro na boca e braço depois de fazer programa no 0 km

O cliente deixou a travesti na rua e em seguida atirou contra a vítima que foi encaminhada ao hospital

Jefferson Oliveira

Repórter

11/10/2017 10h20 | Atualizada em 11/10/2017 10h17

Travesti leva tiro na boca e braço depois de fazer programa no 0 km

Reprodução

A travesti E.B.M., 29, levou dois tiros na madrugada desta quarta-feira (11) depois de prestar serviços sexuais a um homem no bairro Jardim Potiguar, região do Zero Quilômetro em Várzea Grande (MT).

A PM foi acionada pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) e informada sobre uma tentativa de homicídio no referido local. Quando chegaram ao endereço da ocorrência, os policiais encontraram várias pessoas em volta da vítima que estava caída no chão e ferida.

Testemunhas que também atuam na região, comunicaram a polícia que a travesti  teria realizado um programa, e que ao terminar o serviço, o suposto cliente deixou E.B.M., na rua e efetuou os tiros fugindo em seguida. Os disparos acertaram o braço esquerdo e boca da vítima.

O suspeito não foi identificado, mas outras travestis informaram que o homem estava em um veículo C4 Pallas vermelho. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) se fez presente no local e encaminhou a travesti baleada para o Pronto-Socorro do município.

 

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE