PUBLICIDADE
ACIDENTE

Criança de seis anos dá entrada em UPA com suspeita de estupro em Cuiabá

Caso levantou suspeita dos médicos, mas laudo não comprovou estupro. Criança teria caído sobre um vidro de shampoo

Jefferson Oliveira

Repórter

13/09/2017 08h29 | Atualizada em 13/09/2017 08h40

Criança de seis anos dá entrada em UPA com suspeita de estupro em Cuiabá

Ilustração

Uma criança de seis anos de idade deu entrada  na madrugada desta quarta-feira (13)  na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Pascoal Ramos com suspeita de ter sido violentada sexualmente, mas os laudos periciais não constataram o crime. A criança teria caído sobre um vidro de shampoo. 

A PM foi acionada pela equipe médica e informada sobre a suspeita de estupro de vulnerável contra a menor, e ao chegarem na unidade de saúde uma equipe do Conselho Tutelar se encontrava no local e em conversa com a médica identificada como Monnize e a enfermeira chefe elas informaram sobre o possível abuso.

A mãe da criança identificada como Wanessa, disse a polícia que estava dando banho em sua filha, quando a criança caiu em cima de um frasco de shampoo.  Após algum tempo na unidade de saúde, o laudo médico comprovou que não houve abuso sexual contra a criança.

A menina em conversa com conselheiros e policiais disse que não se recordava do que havia acontecido e que estaria dormindo na hora do fato. A mãe com a criança juntamente com conselheiros foram encaminhados ao Cisc para serem tomadas as medidas cabíveis.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE