PUBLICIDADE
POLÍCIA MILITAR

Sargento foi atingido três vezes em troca de tiros com soldado

Militar de 42 anos está em estado de estável e em observação em hospital em Cuiabá

Da Redação

Equipe

18/06/2017 10h41 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

O sargento Jorge Roberto e Silva, 42, foi atingido por três tiros em tiroterio com soldado em ação confundida com assalto, no bairro Tijucal, neste sábado (17). Fonte ouvida pelo  Circuito Mato Grosso afirmou que ele atingido na panturrilha, no abdômen e no rosto. No entanto, está consciente e conversava na manhã deste domingo (18). O sargento está internado na UTI de um hospital em Cuiabá. O soldado Kennedy Campos da Costa, 25, morreu na ação.

“O projétil do abdômen foi retirado e não atingiu nenhum órgão, o da panturrilha não atingiu nenhum osso, e o do rosto está alojado. Mas o sargento está bem”, disse a fonte.

O soldado Kennedy Campos da Costa, 25, do 9º Batalhão da Polícia Militar, morreu na troca de tiros com o sargento. Ele teria abordado o sargento quando investigava um assalto ocorrido em Barão de Melgaço(110 km de Cuiabá/MT).

Segundo informações de um oficial do 9º BPM (Batalhão da Polícia Militar), ao ser abordado o sargento teria pensado que tratava-se de um assalto. Ambos atiraram um contra o outro.

Testemunhas relatam que uma viatura da PM passou pelo local e os policiais, ao verem a troca de tiros, atiraram também. Foram mais de vinte disparos. "Parecia o Iraque", comparou um cidadão que presenciou o fato.

Da Costa levou um tiro no peito e não resistiu. O sargento, cuja identificação ainda não foi divulgada, foi atingido na coluna e encontra-se no Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá e está fora de perigo.

Texto atualizado às 11h15

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE