PUBLICIDADE
DE LEVE

Em tom de brincadeira, Botelho chama a atenção de Gallo sobre duodécimos

Da Redação

Equipe

10/12/2019 14h30 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Em tom de brincadeira, Botelho chama a atenção de Gallo sobre duodécimos

Reprodução/Internet

O secretário de Fazenda, Rogério Gallo, foi chamado a atenção duas vezes pelo presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo (DEM), no discurso em reunião no Palácio Paiaguás. Num discurso descontraído e usando da comédia para mostrar sua posição, o democrata retomou a polêmica dos duodécimos, no governo Pedro Taques e agora no governo Mauro Mendes, e expôs sua irritação com o problema. “Só não briguei com o Gallo porque ele é meu amigo”, disse Botelho referindo aos atrasos durante a gestão Taques. “Não adianta segurar os duodécimos, Gallo. Só vai causar mais irritação”. Gallo está à frente dos assuntos econômicos do Estado desde 2017 e passou pela crise do Executivo com os outros Poderes.



.


Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE