PUBLICIDADE
MANDATO CASSADO

Selma reage a intenções de candidaturas, mas PSL já avalia situação como 'perda irreparável'

15/04/2019 15h00 | Atualizada em 15/04/2019 17h01

Selma reage a intenções de candidaturas, mas PSL já avalia situação como 'perda irreparável'

Reprodução/Internet

A senadora Selma Arruda (PSL) tem feito frente às manifestações de ex-candidatos ao Senado que resolveram declarar suas intenções de disputar a eventual eleição suplementar ao cargo depois da cassação do mandato dela pela Justiça Eleitoral. Em post no Facebook, ela disparou até contra os concorrentes que, em 2018, não conseguiram a suplência e agora entram na articulação pelo cargo. “Até candidato a deputado que não conseguiu nem ficar como suplente acha que pode tomar esse cargo eletivo, em que fui democraticamente eleita. Eu vou deixar um aviso curto aqui: Falar é fácil, quero ver é conquistar os 678.542 votos que eu tive! O povo está comigo!”

Dentro do PSL, o discurso de senadora eleita é sustentado, mas em paralelo com a avaliação de que tanto em nível estadual quanto no nacional o partido sofreu uma perda irreparável. A torcida pela reversão do quadro é feita, mas sem com baixa resignação. O assunto chegou aos ouvidos do presidente Jair Bolsonaro, sem que houvesse uma manifestação de apoio e nem reprovação.

.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE