PUBLICIDADE
LINHA DE FOGO

Allan Kardec vota contra o Governo, mas ganha a pecha de traidor dos servidores

17/01/2019 08h47 | Atualizada em 17/01/2019 08h53

Allan Kardec vota contra o Governo, mas ganha a pecha de traidor dos servidores

Reprodução/Internet

O secretário de Cultura licenciado, deputado Allan Kardec (PDT) votou contra a medida do governo de regularização da RGA (Revisão Geral Anual), que incide na correção salarial dos servidores. E apesar da postura antagônica, o parlamentar foi chamador de “traidor” por servidores que acompanhavam a sessão.

Após o anúncio do resultado da votação, Allan Kardec usou a tribuna para dizer que “não vou manchar a minha história, votando contra os servidores. Por dois anos, no governo Taques, eu estive aqui defendendo os servidores e não vou mudar agora”. Ele foi empossado como secretário em 1º de janeiro e recebeu encomenda do governador Mauro Mendes para voltar à Assembleia para ajudar no encaminhamento do pacote fiscal.

.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE