PUBLICIDADE
LUTANDO SÓ

Deslizes

13/09/2018 11h31 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00 2 comentarios

Selma Arruda (PSL) diz que o presidente de seu partido, o deputado federal Victório Galli, sabia das ameaças de tucanos a ela após a declaração que deu início à crise de saída da coligação. Ela é enfática em dizer que Galli quis amenizar a polêmica para evitar novos atritos com os então recém-aliados para a campanha eleitoral. Agora, depois do rompimento não evitado, os defensores da ex-juíza podem pegar no pé de Galli, já contestado por ideias conservadoras.

2 COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE