PUBLICIDADE
BOM DIA TRÂNSITO

Semob e Secid criam caos na vida dos motoristas cuiabanos

Da Redação

Equipe

24/11/2017 07h37 | Atualizada em 24/11/2017 17h57 1 comentario

Está cada vez mais dificil dirigir em Cuiabá. As obras, desvios e paralisações constantes, que tanto a Prefeitura quanto o Governo do Estado insistem em executar, só não são piores do que no sofrido período dos preparativos para a Copa do Mundo, há seis anos.

Parece que a ideia de fazer reparos aos finais de semana, de madrugada ou nos feriados, quando o trânsito esta mais tranquilo, não é bem aceita pelas autoridades mato-grossenses. Tanto na Avenida Fernando Correira da Costa, quanto na Trincheira do Santa Rosa, ou em frente ao Novo Shopping Estação e até na rua Barão de Melgaço, em pleno Centro, a rotina é a mesma. Basta dar sete horas da manhã e o rush começar que imediatamente as obras também se iniciam, em um sinal claro de total desrespeito aos cidadãos.

Será que é tão dificil pagar hora extra aos funcionários e executar certos reparos quando o trânsito é menos intenso? Até por questões de segurança e bom senso seria mais aceitável. Outro ponto é que nem sempre as obras são bem sinalizadas e o pobre motorista precisa simplesmente adivinhar o que o espera a sua frente. 

Nesta quinta (23), entre o caminho de três hospitais, na avenida Miguel Sutil, após superar o já previsível trânsito da Trincheira Santa Rosa, que há dias enfreta reformas, o motorista precisava vencer outro obstáculo. O asfaltamento de uma via dupla em frente ao estacionamento do novo shopping center. Para todos que seguiam em busca de tratamento médico só restou aguardar a boa vontade dos caminhões que abriam buracos na via. Se uma ambulância precisasse passar naquele momento, teria muita dificuldade. 

 

 

 

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. The Cardinals sorely missed Johnson in 2017 cheap jerseys wholesale as he suffered a dislocated wrist in the opener against the Lions and never returned. He should be back and ready to roll in 2018, which makes running back a low priority in free agency. Peterson was acquired early in the season and had a pair of huge games against the Buccaneers and 49ers. NIKE NFL His performance dipped down the stretch and Peterson missed the final five games of the season due to a neck injury. He will be 33 next season and a lack of versatility limits his value with Johnson back in the fold.
    Logan looked good in training camp and the Hall of Fame Game but, like Johnson, missed the season with a dislocated wrist. He seems to be the favorite to return kicks and punts, Houston Texans Jersey and hopes to carve out a role on offense. Foster and Penny are expected to push for a roster spot, with distinct skillsets the selling point for both. Victor and Hill will look to make an impression on the coaching staff this offseason.

    Williams has been a regular fill-in the past few seasons and would be a nice insurance piece again in case of injury, but he is scheduled to become an unrestricted free agent. There are plenty of big-name running backs set to hit free agency, NFL Iphone Case including Dion Lewis, Doug Martin, Jonathan Stewart, Carlos Hyde and Rex Burkhead. The Cardinals have one of the best running backs in the NFL in Johnson, and any free agent pickups figure to be complementary additions.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE