PUBLICIDADE
NA HORA CERTA

Governo respira aliviado com o fim da greve do Detran

09/11/2017 17h57 | Atualizada em 10/11/2017 07h51

Às vésperas do início da campanha para o pagamento do IPVA-2018, o Governo de Mato Grosso finalmente conseguiu um acordo com os grevistas do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (DETRAN/MT). A paralisação, que já durava dois meses, poderia causar sérios prejuízos à arrecadação estadual. O Imposto é a segunda receita tributária de Mato Grosso, e em 2016 correspondeu a R$ 586.840.000,00 reais. Apesar do lançamento da campanha de pagamento pela internet, muitos casos demandam que o proprietário do veículo regularize a documentação no próprio Detran.

O embate entre o governo e os sindicatos que representam os trabalhadores do Detran só acabou quando o Estado cedeu e prometeu conceder o reajuste de salário pedido para 2019. Os gastos com esse aumento salarial certamente serão bem menores do que as perdas de arrecadação. Sem falar que o governo também estava proibido de multar e apreender os veículos que circulavam com documentos atrasados por conta da greve, outra grande fonte de receitas.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE