PUBLICIDADE
PRESERVANDO O ERÁRIO

Desembargador negou pedido de atualização das verbas honorárias

Da Redação

Equipe

13/07/2017 14h00 | Atualizada em 14/07/2017 14h01

Desembargador negou pedido de atualização das verbas honorárias

Ilustração

O desembargador Luiz Carlos da Costa em voto proferido esta semana na sessão plenária do Tribunal de Justiça de MT negou de pronto o pedido de atualização das verbas honorárias em um processo vitorioso contra o Estado de Mato Grosso. Segundo o desembargador, longe de menosprezar o mérito do advogado em questão, ele estava priorizando a situação de penúria financeira pela qual passam os cofres públicos, nos quais, por exemplo, faltam recursos para que crianças consigam acesso a remédios fundamentais para a sobrevivência, o que vem sendo objeto de inúmeras ações judiciais. Luiz Carlos da Costa deixou claro que essa tem sido a postura rotineira da Segunda Câmara do TJ da qual é integrante, no que foi acompanhado de forma unânime pelos colegas presentes.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE