PUBLICIDADE
PERDA DE CARGO

Votos das eleições municipais para vereador de Guarantã do Norte serão recontados

A vereadora Edileusa Oliveira Ribeiro teve o diploma cassado por abuso do poder econômico e de autoridade, e compra de votos

Da Redação

Equipe

23/02/2018 17h49 | Atualizada em 23/02/2018 17h55

A Justiça Eleitoral em Mato Grosso vai realizar a audiência de retotalização dos votos das eleições municipais de Guarantã do Norte de 2016. A ação ocorre após alteração na situação jurídica da candidata reeleita para o cargo de vereadora, Edileusa Oliveira Ribeiro.

Ela teve o diploma cassado pelo juiz de 1ª instância em uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral, por abuso do poder econômico e de autoridade, e compra de votos.

O Ministério Público apontou que, durante a campanha eleitoral de 2016, a candidata prometeu doação de casas populares a eleitores de Guarantã do Norte, em troca de voto, o que viola artigo da Lei de Eleições.

Além de cassar o diploma de Edileusa Ribeiro e decretar a nulidade dos votos atribuídos a ela, a Justiça Eleitoral condenou a candidata ao pagamento de multa e a declarou inelegível por oito anos. A decisão foi mantida pelo Pleno do Tribunal Regional Eleitoral.

A retotalização será realizada no dia 26 de fevereiro, às 10h no horário de Brasília. Com isso, a composição da Câmara Municipal deve mudar, com cálculo de votos por legendas e a entrada de um novo vereador.

.

FONTE: EBC

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE