PUBLICIDADE
RETROSPECTIVA DO ANO

Os fatos mais marcantes registrados pelo Circuito Mato Grosso

Nos últimos dias do ano relembramos as melhores reportagens publicadas nas edições do jornal Circuito Mato Grosso, convidamos você para navegar conosco em nossa Retrospectiva 2017

Juliana Arini

Editora

02/01/2018 14h12 | Atualizada em 03/01/2018 15h22

O ano começou com muita expectativa sobre o início do mandato do novo Prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro. A promessa da nova gestão era devolver à Capital a beleza e autoestima abaladas pelos canteiros de obras da Copa-2014, evento que até hoje deixou seus reflexos e cicatrizes na cidade, sem muitos legados positivos. 

O prefeito teve o início de sua gestão abalado pelos escândalos decorridos da delação do ex-chefe de gabinete de Silval Barbosa, o que desencadeou a formação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, conhecida como CPI do Paletó na Câmara dos Vereadores. A imagem do novo prefeito e de deputados estaduais, supostamente, se apropriando de dinheiro público chocou a população.

O caos na saúde e o sofrimento dos cidadãos na capital e no interior de Mato Grosso foram outras imagens sofridas registradas nas reportagens do ano. Que também trouxeram lampejos de esperança ao registrarem o empreendedorismo dos jovens cuiabanos e resgataram os bastidores da Sétima Vara do Tribunal de Justiça do Estado, na qual a Juíza Selma Arruda julga processos contra a corrupção como os da Operação Ararath, que investiga o dinheiro desviado pelo ex-governador que executou as obras do Mundial-2014.  

O ano também foi marcado por despedidas de personalidades célebres, como o professor Aecim Tocantis, que foi prefeito e vereador por Cuiabá e nos fez relembrar valores que precisam ser resgatados, como a integridade e o amor a nossa terra.

Desejamos a todos uma boa leitura desta Retrospectiva e que a lembrança dos fatos de 2017 seja um apoio para construirmos um 2018 melhor para todo o Mato Grosso! 

.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE