Sábado, 29 de Abril de 2017
COPA DO BRASIL

Veja quem Atlético e Cruzeiro podem encarar

Sorteio nesta quinta definirá confrontos das oitavas de final do torneio

Veja quem Atlético e Cruzeiro podem encarar
 

Foto: Reprodução

Por SuperEsportes

O maior torneio mata-mata do país vai se afunilando. Dos 91 participantes, restam apenas 16. E as oitavas de final da Copa do Brasil começam antes mesmo de a bola rolar. A partir das 12h desta quinta-feira, um sorteio na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) determinará os confrontos, que envolverão Atlético e Cruzeiro.

Mas, afinal, como funcionará o processo de definição dos duelos? Haverá cabeças de chave? Que times podem se enfrentar?

Os participantes

Dos 16 times, cinco se classificaram ao eliminar rivais na quarta fase da Copa do Brasil: Internacional, Cruzeiro, Fluminense, Paraná e Sport.

Os outros 11 participantes entram na competição já nesta fase. Entre eles, oito têm o privilégio por participar da Copa Libertadores: Atlético, Atlético-PR, Botafogo, Chapecoense, Flamengo, Grêmio, Palmeiras e Santos.

Atlético-GO (campeão da Série B em 2016), Paysandu (campeão da Copa Verde em 2016) e Santa Cruz (campeão da Copa do Nordeste em 2016) também entram na disputa nas oitavas de final.

Confrontos

Nem todos os times poderão se enfrentar nas oitavas de final. A CBF dividirá as equipes em dois potes. No ‘A’, estarão as equipes da Libertadores. No ‘B’, as demais equipes.

Cada clube do pote A enfrentará um time do pote B. Dessa forma, as equipes da Copa Libertadores não se encontrarão nas oitavas de final.

Alguns clássicos regionais poderão ocorrer: Atlético x Cruzeiro, Flamengo x Fluminense, Botafogo x Fluminense, Grêmio x Inter e Atlético-PR x Paraná.

Para as quartas de final, ocorrerá novo sorteio na sede da CBF. Todas as oito equipes classificadas estarão no mesmo pote e poderão se enfrentar.

Mandos

Às 15h, a entidade sorteará as ordens dos confrontos nas oitavas de final. Nesta etapa da competição, mais uma vez, o gol fora de casa é critério de desempate.

COMENTAR