PUBLICIDADE

Cultura - Página 61

Filho é registrado por mães homoafetivas

Filho é registrado por mães homoafetivas

Um menino terá no registro de nascimento o nome de duas mães. As mulheres, que são homossexuais, vivem juntas há 10 anos e decidiram ter um filho. Uma delas gerou a criança, em comum acordo com a companheira, por meio de inseminação artificial (fertilização in vitro), com sêmen de um doador anônimo.

Tibanaré encena

Tibanaré encena "Andarilhos das Estrelas" em MT e estados do Norte e Centro-Oeste

O Grupo Tibanaré de Teatro está nas ruas. Aproxima-se da população desavisada com o espetáculo "Andarilhos das Estrelas". E começa nesta segunda-feira (07/10) uma série de apresentações em Mato Grosso e em estados das regiões Norte e Centro-Oeste do Brasil. Conquistou o Prêmio Myriam Muniz, da Funarte, e realizaessa circulação nacional através dessa instituição, do Banco da Amazônia e da Secretaria de Estado de Cultura.

Vencedor do Prêmio Nobel de Literatura 2013 será anunciado quinta-feira

Vencedor do Prêmio Nobel de Literatura 2013 será anunciado quinta-feira

A Academia Real de Ciências da Suécia disse nesta segunda (7) que o nome do vencedor do Prêmio Nobel de Literatura 2013 será divulgado quinta-feira (10) na sede da instituição em Estocolmo. A data do anúncio do Nobel de Literatura era a única que ainda não havia sido divulgada, já que a instituição costuma anunciá-la apenas depois de conhecidas as datas de divulgação dos outros prêmios.

Banda Sambora é atração deste sábado na ‘Morar Mais por Menos’

Banda Sambora é atração deste sábado na ‘Morar Mais por Menos’

A Mostra Morar Mais por Menos apresenta neste sábado, a partir das 20 horas a banda Sambora, estilo samba-rock com músicas variadas de artistas nacionais e internacionais. O Sambora é formado por Viviane Cantarella (voz e violão) conhecida cantora mato-grossense e uma das vozes mais importantes do estado; Danilo Bareiro (Produtor e guitarra) e Marcelinho (cavaco).

Cerveja inspira festa em Blumenau

Cerveja inspira festa em Blumenau

Começa nesta quinta-feira (3) em Blumenau (120 km de Florianópolis) a 30ª Oktoberfest, a festa da cerveja inspirada na de Munique, na Alemanha. No ano passado, 589 mil pessoas beberam 652 mil litros de chope, segundo os dados da prefeitura.  Neste ano, são esperadas 600 mil pessoas.

Salão de Arte de Mato Grosso prorroga data de inscrição em prol de exposição

Salão de Arte de Mato Grosso prorroga data de inscrição em prol de exposição

Em virtude da greve dos Correios e solicitação dos artistas que moram no interior do Estado de Mato Grosso, a comissão organizadora do “Salão de Arte de Mato Grosso”, da Secretaria de Estado de Cultura (SEC-MT), decidiu prorrogar as inscrições para até o dia 15 de outubro de 2013. Ainda, o processo de atendimento aos artistas poderá ser feito pessoalmente no Pavilhão das Artes, ou via Sedex e transportadora.

"Cáceres, 235 Anos de História”: aberta a exposição com imagens históricas

A Universidade do Estado de Mato Grosso participa da programação do evento “Cáceres, 235 Anos de História”. A atividade, realizada pela Prefeitura Municipal, tem a parceria da universidade, que apresenta resultados de alguns de seus projetos em diferentes áreas do conhecimento. A ação comemorativa começa amanhã e vai até o próximo domingo, dia 6.     Identidade, cultura e tempo   Integra a programação a exposição fotográfica “Cultura e imagens do cotidiano da cidade de Cáceres”.A mostra é organizada pelo Núcleo de Documentação de História Escrita e Oral do Curso de História da Unemat (Nudheo) e tem a curadoria do professor João Ivo Puhl, coordenador do núcleo e da professora Socorro Araújo, chefe da faculdade de Ciências Humanas e Sociais.   São 100 fotos reunidas em cavaletes que percorrem momentos históricos da cidade no século XX, com especial menção à década de 1970, quando o Brasil passava por um movimento de interiorização e modernização motivado pelas políticas públicas de então, como frisa o professor Puhl.   O conjunto de imagens reunido é inédito, sendo pensando especialmente para o evento. O recorte temático privilegia aspectos culturais da vida diária da cidade. “Nossa intenção foi nos valermos do acervo que temos no núcleo e expor as fotografias como uma forma de aproximação da sociedade, fazendo com que a cidade se veja a partir das imagens, esbarrando assim, em temas como identidade, cultura e tempo. É uma oportunidade também de as pessoas saberem o que fazemos no núcleo”, esclarece a professora.   A mostra fica exposta na Praça Barão do Rio Branco na noite de  domingo. Entre segunda e sexta-feira, as fotos poderão ser vistas na Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo- Sematur. Professores e bolsistas do curso estarão presentes para dialogar com os visitantes. “Este diálogo também servirá como uma fonte de pesquisa e pode redundar em novos projetos”, finaliza Araújo. A entrada é gratuita.   Jornal Oeste        

Homem pré-histórico é atrativo de museu em Cuiabá

Homem pré-histórico é atrativo de museu em Cuiabá

A réplica de um homem pré-histórico caçador-coletor, em tamanho natural, agora faz parte do acervo do Museu de Pré-História Casa Dom Aquino. A obra traz a ideia de retorno ao tempo da pedra lascada, onde o objeto de observação é um Ameríndio. O investimento foi de R$ 8 mil, patrocinado pelo Ponto de Cultura do Museu, que leva o mesmo nome e apoio da Secretaria de Estado de Cultura de Mato Grosso (SEC-MT).   A escultura, feita em argila pelo artista plástico e escultor, Junne Fontenele Cardoso, está disposta ao ar livre, em meio a milhares de lascas da Pré-História, onde une cultura, arte e educação de modo interativo com a toda população do Estado de Mato Grosso.   “Esta obra vem agregar um valor cultural imensurável à educação. E a responsabilidade aqui depositada pela presidente do Instituto ECOSS (de Ecossistemas e Populações Tradicionais), Suzana Hirooka, no comprometimento com a história e a cultura segue a ideia que a pasta da SEC deseja: de resgatar e agregar valores, mesmo com curto orçamento para se trabalhar pela Cultura”, ressaltou a secretária da SEC, Janete Gomes Riva, que esteve presente na inauguração (27.09).   Feita com barro especial e estrutura de ferro, ela teve que ser queimada numa temperatura de 1.2 mil graus. “Logo será inaugurado o homem ceramista para compor as esculturas pré-históricas. O museu é em céu aberto e bastante instrutivo, lembrando que é importante ressaltar que os sítios arqueológicos mais antigos da América do Sul estão em Mato Grosso”, frisou Suzana Hirooka.   História: O índio, indígena ou o nativo americano são nomes dados a população da América que viveu antes da chegada dos europeus, e os seus descendentes.   Para entender melhor, o termo ameríndio é usado para designar os nativos do continente americano, em substituição às palavras "índios", "indígenas" e outras consideradas preconceituosas.   Junne Fontenele: Natural do Estado do Ceará começou a esculpir, aos 13 anos de idade, criando pequenas peças em cerâmica, como pratos, rosto de animais entre outras. Com 16 anos foi estudar anatomia humana, onde teve identificação no processo criativo.   “Criei um estilo próprio, autodidata, sem nenhuma formação superior artística, na qual me identifico como um escultor realista contemporâneo. Como inspiração uso tema  social da atualidade: a dor, fome, miséria, o medo, a paixão, o preconceito e o trabalho o regional.   Já expos na região  Nordeste, na casa da cultura Belchior, em 2003, e na casa da Cultura, em Sobral, no Ceará.   Em 2004 se mudou para Mato Grosso e, residindo em Cuiabá, realizou três exposições coletivas na SEC. Em 2005, expos no Memorial Praça das Bandeira, e em 2006, na Casa do Artesão participou duas vezes consecutivas no “Salão Jovem Arte”, outras duas no “Salão Acubá”, onde foi um dos selecionados.   Também professor de Artes e Gestor Ambiental, atualmente trabalha em  projetos sociais, além da arte voltada ao realismo, social e cultural.   Serviço   O horário de funcionamento do Museu de Pré-História Casa Dom Aquino, é das 8h às 11h30, e das 13h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira. Aos sábados das 8h às 11h30. O agendamento inclui monitores de arqueologia e paleontologia, para grupos acima de seis pessoas.   O museu está localizado na avenida Beira Rio, no bairro Dom Aquino, em Cuiabá. Em frente a Universidade de Cuiabá (UNIC). Contato para agendamento nos telefones (65) 3634-4858 / 9903-3444 (com Natally) e 9256-8418 (com Meiri). A entrada é cobrada no valor de R$ 5 e R$ 2,5 (meia-entrada).   Assessoria  

Polícia Civil prende estelionatário acusado de receptar cheques roubados

Polícia Civil prende estelionatário acusado de receptar cheques roubados

Policiais da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) e Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) prenderam um dos maiores estelionatários e receptadores de cheques roubados de Cuiabá. O suspeito Paulo Sérgio da Silva, 36 anos, foi preso dentro de uma Agência do Sicred, na Avenida Barão de Melgaço, quando iria sacar dinheiro de um dos chegues depositados em uma conta que utilizava para compensar dinheiro.    No ato da prisão, Paulo ofereceu R$ 5 mil aos policiais para que não fosse preso. Os investigadores simularam aceitar o suborno e até a chegada de Alessandro Alvarenga de Oliveira, 34 anos, e o comparsa Diego Augusto Almeida Ferraz, 28 anos, que levaria o dinheiro ao estelionatário. Todos foram presos em flagrante por corrupção ativa e Paulo vai ainda responder por estelionato.    A investigação iniciou quando um médico registrou boletim de ocorrência comunicando que teve os vidros do carro quebrado e dentro foi levado uma pasta com vários cheques de pacientes, talão de cheque de sua propriedade e R$ 2.500 em dinheiro. O médico contou que tentou avisar os pacientes, mas alguns cheques foram depositados e compensados. “A partir das informações da cópia de um desses cheques compensados  conseguimos levantar junto ao banco os dados do estelionatário”, disse o delegado Roberto Amorim, titular da Derf.     Assessoria/PJC-MT