PUBLICIDADE
FESTIVAL VARILUX DE CINEMA

Sesc Arsenal exibe duas sessões diárias de filmes franceses

Festival que traz filmes inéditos para o Brasil começa em Cuiabá nesta quinta-feira

Camilla Zeni

Jornalista

07/06/2018 16h35 | Atualizada em 07/06/2018 16h39 1 comentario

Começa nesta quinta-feira (7) e segue por mais dez dias o Festival Varilux de Cinema Francês, realizado no cinema do Sesc Arsenal, no Porto, em Cuiabá. Esta já é a terceira vez que a casa, principal reduto de cultura e história mato-grossense, recebe o festival. Ao todo serão feitas 20 exibições, com duas sessões diárias. Todos os filmes têm entrada gratuita.

Com patrocínio do Ministério da Cultura e poder Executivo do Rio de Janeiro, o festival já se encontra no seu oitavo ano de projeto e, nesse ano, ele também será apresentado no Sesc de Rondonópolis. Todos os filmes exibidos são inéditos no Brasil.

Os interessados deverão comparecer ao Sesc Arsenal, na rua Treze de Junho, no Porto, com ao menos 30 minutos de antecedência do início da sessão. A entrada é gratuita, mas os ingressos são limitados.

O primeiro filme a ser exibido nesta quinta-feira será ‘A Excêntrica Família De Gaspard’, de Antony Cordier, uma comédia que conta a história de um rapaz que se reencontra com a família após o anúncio do casamento do pai. Para a ocasião, ele leva uma amiga, que finge ser sua namorada. A sessão começa às 18h30.

Confira abaixo a programação completa:

Quinta-feira (7)

18h30 - ‘A Excêntrica Família De Gaspard’, de Antony Cordier

20h30 - ‘O amante duplo’, de François Ozon

Sexta (8):

18h30 – O Poder de Diane, de Fabien Gorgeart

20h30 – Promessa ao amanhecer, de Eric Barbier

Sábado (9):

18h30 – Carnívoras, de Jérémie Renier e Yannick Renier

20h30 – O retorno do herói, de  Laurent Tirard

Domingo (10):

18h30 – A raposa má (dublado), de Benjamin Renner e Patrick Imbert

20h30 – O último suspiro, de Daniel Roby

Terça (12/6)

18h30 – De carona para o amor, de Franck Dubosc

20h30 – A busca do chef Ducasse, de Gilles de Maistre

Quarta (13):

18h30 – Custódia, de Xavier Legrand

20h30 – A noite devorou o mundo, de Dominique Rocher

Quinta (14):

18h30 - Troca de rainhas, de Marc Dugain

20h30 – Primavera em Casablanca, de Nabil Ayouch

Sexta (15):

18h30 – 50 são os novos 30, de Valérie Lemercier

20h30 – Nos vemos no paraíso, de Albert Dupontel

Sábado (16):

18h30 – O orgulho, de Yvan Attal

20h30 – Marvin, de Anne Fontaine

Domingo (17):

18h30 – Gauguin – Viagem ao Taiti, de Edouard Deluc

20h30 – A aparição, de Xavier Giannoli

FONTE: Assessoria

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. I found a lot of information here! This article is really good for all newbie here. Thank you for sharing with us! Good luck! happy wheels

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE