PUBLICIDADE
NO PRÓXIMO SÁBADO

Moda e artesanato ‘conversam’ com visitantes do Arte e Cultura na Mandioca

Esta atividade acontece durante todo o período do evento, das 16h às 22h, na Rua 12 de Outubro, esquina com a Rua Pedro Celestino, no Centro Histórico de Cuiabá.

11/12/2017 15h47 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Moda e artesanato ‘conversam’ com visitantes do Arte e Cultura na Mandioca

Reprodução

Há várias linguagens para traduzir o modo e um pensar de um povo não necessariamente com letras. Uma delas é a moda e o artesanato. Assim, quem quiser ‘ler’ parte da história contemporânea do que se cria em Mato Grosso pode conferir a ação Feira Artesanato e Moda, dentro da programação do “Arte e Cultura na Mandioca – 3ª edição”, que acontece no próximo dia 16. Esta atividade acontece durante todo o período do evento, das 16h às 22h, na Rua 12 de Outubro, esquina com a Rua Pedro Celestino, no Centro Histórico de Cuiabá. A atividade em questão está sendo preparada pela “Bendito Mercado”, apoiadora desta edição realizada pela Casa de Cultura Silva Freire, agora como Ponto de Cultura.

A organizadora desta parte do evento, a artista Adriana Milano, explica que a mostra de artesanato e moda pretende fomentar a economia criativa e colaborativa ao valorizar marcas autorais gerando oportunidades comerciais para designers e artesãos locais. E existe ‘assunto’ para todo tipo de gosto e necessidade para deixar não só as pessoas mais elegantes com uma moda de bom gosto e também alegrar com enfeites criativos suas casas. Ela destaca que serão comercializadas as mais diversas peças e produções. Estarão lá acessórios em couro de Anna Marimon; Bazar de Fotografias do Studio Rai Reis; relicários e utilitários, da Bendito Santo Ateliê; bordados em tecidos, das Bordadeiras da Chapada; moda da Gasperin; acessórios e objetos para decoração, de Gilmar Chavier; acessórios, crafts e decoração afetiva da Incomum; decoração e interiores, da Insight Coletivo; acessórios e moda de Ivani Brito; objetos de decoração em palha de buriti, de Paulo Rogério Lenzi; brechó de Soraia Mourão; Moda da Studio F2 e; bolsas, utilitários em tecido e courino, da Valéria Carvalho Ateliê.

Todos esses nomes vão desfilar talento e criatividade aos olhos do público que só tende a crescer ao longo das próximas edições, conforme os organizadores. Por isso, além de moda e artesanato o evento ainda traz na programação: artes na rua com diversos artistas importantes do contexto brasileiro radicados em Mato Grosso, teatro; gastronomia, sustentabilidade, literatura, projeções de audiovisual, dança, oficinas para crianças e adultos, performance e música, atrações que valem muito a pena conferir de perto, conforme podem ver na programação geral no site da Casa Silva Freire ou na fanpage Arte e Cultura na Mandioca.

Os artistas da organização

Essa terceira edição do ‘Arte e Cultura na Mandioca’ do Ponto de Cultura Casa Silva Freire, contemplado neste ano pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC), que implementa o Programa Cultura Viva da Secretaria da Cidadania e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura (MinC), tem ainda parcerias com a Prefeitura Municipal de Cuiabá, através da Secretarias Municipais de Cultura, Esporte e Turismo (SMCET) e de Educação (SME) via Escola Municipal de Educação Básica Silva Freire, a Universidade Federal de Mato Grosso, representada pelos Grupos de Pesquisa em Psicologia da Infância (GPPIN/Instituto de Educação) e em Estudos de Cultura Contemporânea (ECCO/Faculdade de Comunicação e Arte), além do estúdio musical Demoexmachina e do escritório de arquitetura Arqproject.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE