PUBLICIDADE
PROGRAMAÇÃO COMPLETA

A Incerteza Chegou está na Bienal de SP e no Cultura em Circuito

Confira também Cine Arena, Feijoada de Inverno, Exposição, Maratona Fotográfica e muito mais

Luiz Marchetti

Colunista

13/05/2017 07h01 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Chame os amigos, fale com os professores de sua escola, aproveite esta oportunidade e não perca a 32ª Bienal de São Paulo – "Itinerâncias: Cuiabá". Uma seleção de Incerteza Viva, mostra de arte contemporânea considerada uma das três maiores e mais importantes do mundo. É uma exposição para ir com tempo, observar, olhar e ver novamente. A 32 ª Bienal de SP estará aberta até 9 de julho e, além da exposição, conta com programação variada que inclui performances, apresentações, conversas com artistas e curadores, visitas guiadas e agendamento escolar. A mostra foi concebida em torno das obras de 81 artistas e coletivos com a curadoria de Jochen Volz e dos curadores Gabi Ngcobo (África do Sul), Júlia Rebouças (Brasil), Lars Bang Larsen (Dinamarca) e Sofía Olascoaga (México). Nos dias 16, 17, 30 e 31 de maio; 1, 2 e 30 de junho. A grade de programação conta com palestra da curadora Júlia Rebouças, a militante indígena Naine Terena e a professora Ludmila Brandão; apresentações públicas dos artistas Ana Mazzei e Dalton Paula e uma semana de ativações das Conversas para Adiar o Fim do Mundo, do artista Bené Fonteles. Na terça 16 de maio, às 19h haverá a Palestra Incerteza Viva, com Júlia Rebouças, Naine Terena e Ludmila Brandão no Centro Cultural da UFMT. Prestigie a abertura nesta segunda 15 de maio às 19h no Palácio da Instrução, ao lado da Catedral. Visite a Bienal e confira toda a programação paralela. A 32ª Bienal de São Paulo tem entrada gratuita. Aberta de terça a sexta das 8h às 20h; sábados, domingos e feriados das 9h às 18h. INFO: (65) 3613 0240

Fliquinha para as crianças

A segunda edição da FLIC – Festa Literária de Chapada ocorrerá neste final de semana, sexta 12 e sábado 13 de maio, com uma programação infantil intitulada Fliquinha. A festa promove oficinas, contação de histórias e cantigas de roda, além de espaço de vivência. Fliquinha será aberta no sábado, com a Oficina de Incentivo à Leitura e Fabricação de Marca Página, de Micheli Sierra, às 9h30, com uma hora de duração. Às 13h30, começa a Contação de Histórias, de Fernanda Marimon. À tarde, o Grupo Teatro de Brinquedo realizará a oficina “Caixa De Sombra”, às 14h, em que participantes aprenderão a confeccionar caixas pretas e silhuetas de personagens para contarem suas próprias histórias. A partir de 18h, a Fliquinha recebe as Cantigas de Roda com Weber Fraga. Na Praça Dom Wunibaldo e Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães, com entrada franca. INFO: (65) 3314 1450 e  99614 9409

CINE ARENA - causa & vídeo

Compondo a programação do Vem pra Arena, maior evento cultural do Estado, a mostra Cine Arena - Causa & Vídeo abre neste domingo 14 de maio com curadoria do CALM – Centro Audiovisual Luiz Marchetti na Arena Pantanal. Na tentativa de promover o cinema autoral e filme-arte, as exibições pretendem provocar e reverberar as indagações artísticas, estando em ressonância com as mais conceituais pesquisas e projetos audiovisuais contemporâneos. Haverá quatro vídeos da Retrospectiva Dança em Foco 10 Anos. Escolhemos obras premiadas deste Festival Internacional de Vídeo e Dança por ser uma seleção de experimentação com diferentes  possibilidades  de  relação entre  o  vídeo  e  a  dança.  Criado  em  2003  no  Rio  de  Janeiro,  foi o  primeiro  evento brasileiro dedicado à videodança. O curador Leonel Brum apresentou esta seleção e nos desejou sorte, é fundamental que Cuiabá conheça estes vídeos: FF>> - 5min, 2007 - diretores: Karenina dos Santos, Leticia Nabuco, Marcelo Stroppa e Tatiana Gentile; coreógrafos: Karenina de Los Santos, Letícia Nabuco e Marcello Stroppa. Por onde os olhos não passam - 6min, 2003 - diretores: Andrea Maciel e Paulo Mendel; coreógrafo: Andrea Maciel. A árvore do esquecimento - 3min, 2015 - diretor: Vinícius Cardoso; coreógrafo: Jorge Garcia (Balé da Cidade de São Paulo). Samba#2 - 3min, 2014 - Diretoras: Rosane Chamecki e Andrea Lerner; coreógrafas: Rosane Chamecki e Andrea Lerner. Estes quatro trabalhos selecionados dos dez anos da mostra são realmente tocantes e totalmente diferentes um do outro. Haverá também The robbery, do filmmaker Arun Nura, hilário, um filme feito sem câmera. O filme Heaven, do cineasta Luiz Roque, que esteve nesta mais recente Bienal de São Paulo, é para mim uma das obras mais importantes de nossa atualidade, pelo tema, pelo humor afiado e pela estética, acredite, Heaven estará nesta mostra.  E para não deixar o Dia das Mães no esquecimento, apresentamos um curta do cuiabano Gustavo Cid também inédito no Brasil, o filme Minha Mãe e Eu. E além de outras surpresas cinematográficas, a noite culmina com a estreia de um curta dedicado a um dos artistas e gestores culturais que mais trabalhou pela existência do Vem pra Arena, o nosso saudoso Anderson Flores. O filme Réquiem para Flores será apresentado finalmente neste domingo, com direção de Caio Ribeiro. Prestigie a primeira edição do CINE ARENA, grátis, cinema autoral, contemporâneo, às 19h, com um grande telão ao ar livre. INFO: (65) 98131 4145

Maratona Fotográfica 2017 - Terra de Pau-Rodado

A Maratona Fotográfica deste ano, além de fortalecer técnicas, fomentar público e impulsionar a criatividade no olhar mato-grossense, vem com a proposta de inclusão social. Cuiabá continua recebendo diariamente inúmeras pessoas que por aqui decidem ficar. São os “pau-rodados”, que se encantam com as oportunidades que esta terra oferece. Ao deixar seus territórios de origem, trazem na mala, além de seus pertences, outros sotaques e idiomas, religiões, costumes, receitas culinárias e culturas, e aqui encontram a singularidade cuiabana. Nesta 5ª edição estimula-se a fotografia da presença e as influências destes forasteiros apaixonados por Cuiabá. A programação avisa que segue até 20 de maio a Convocatória Maratona Fotográfica; no dia 21 de maio haverá a Prova da Maratona Fotográfica Cuiabá 300. Investimento: 3 Litros de leite longa vida ou 1 pacote de arroz 5 kg (doados a instituições sociais). Para estudantes e universitários a inscrição é gratuita. E agora vamos ao que interessa, a premiação: Profissional

1º lugar – R$ 2.000,00 em dinheiro + Livros de Fotografia

2º lugar – R$ 1.000,00 em dinheiro + Livros de Fotografia

Amador

1º lugar – R$ 1.500,00 em dinheiro + Livros de Fotografia

2º Lugar – R$ 800,00 em dinheiro + Livros de Fotografia

Regulamento: (https://goo.gl/h3wQRf)

Inscrição (https://goo.gl/TDxcpv).

INFO: 65 3054 3080


JOTA QUEST NA Feijoada de Inverno 2017

Mega aguardada, a Feijoada de Inverno deste ano vem com muito gás para agradar a todas as tribos e idades. O local escolhido, a Pousada Penhasco, é um paraíso, belíssimo para quem quer balada, confortável para quem quer almoçar ou apenas transitar com as pessoas mais bonitas da região. Será no dia 15 de julho a partir do meio-dia. Jota Quest, além de ser animado, combina totalmente com a cara da galera. A programação confirmada é, além da banda, Sambô, George Henrique e Rodrigo, Lako e Camila Peixoto. INFO: www.casadefestas.net/eventos/evento.asp?id=1163

EXPOSIÇÃO ENSAIOS ESCULTURAIS

Está sendo um sucesso a primeira exposição do artista Rhori Scult n’A CASA DO PARQUE. Primeiro, a garotada gosta porque muitas das peças são heróis dos quadrinhos, depois, os pais admiram os detalhes e obviamente muitos também se identificam, não só pelas figuras como também pelos detalhes e a qualidade das obras. Super indico, uma exposição  despretensiosa e capaz de encantar toda a família. Vale lembrar que os preços das peças também estão super em conta e que o artista aceita encomendas. INFO: (65) 3365 4789 e 98116 8083

 

Latitude 15º de filmes mato-grossenses

Nos dias 15 e 16 de maio de 2017 acontece a primeira mostra Latitude15º de filmes mato-grossenses. Promovida pelo Cineclube Coxiponés da UFMT, supervisão ligada à Pró-Reitoria de Cultura, Extensão e Vivência (Procev), a Mostra reúne produções audiovisuais realizadas em Mato Grosso. São obras de diversos gêneros: ficção, documentário, experimental e vídeo-arte, da categoria curta-metragem, filmes com duração de até 30min. Ambas as sessões, do dia 15 e 16 de maio, serão a partir das 19h na área externa do Centro Cultural da UFMT. A partir das 17h30 estará funcionando, no local, praça de alimentação e rolando o som do DJ Mux. Confira todos os filmes participantes no site: http://www.ufmt.br/ufmt/un/noticia/5218/procev

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE