PUBLICIDADE
DICAS PET

Como preparar seu pet para voltar à sua rotina antes da pandemia

Já imaginou o quão difícil será para o seu peludo ter você fora de casa na maior parte do dia novamente?

22/07/2020 07h24 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Como preparar seu pet para voltar à sua rotina antes da pandemia

Reprodução/Internet

Não é só você que precisa se preparar para retornar à rotina habitual de antes da pandemia, seu pet também teve o dia a dia afetado e, por isso, precisa receber alguns cuidados para que não ocorra nenhum tipo de problema.



Contato

Já imaginou o quão difícil será para o seu peludo ter você fora de casa na maior parte do dia novamente? Esse período de quarentena foi ótimo para estreitar as relações, porém, ele não entenderá se o pai humano se ausentar por longos períodos de forma repentina. Na cabeça deles, eles ganharam parceiros “full time”, prontos para qualquer parada, em qualquer momento do dia, mas mal sabem que isso foi algo provisório, já que você precisa retornar ao trabalho presencial para colocar “ração em casa”.

Para voltar à rotina comum sem afetar o pet, a ideia é tentar fazer com que ele sinta a ausência do humano de maneira lenta. Se você tem uma data estipulada para retornar ao trabalho, use esses dias que faltam para ir se ausentando gradativamente. Tente sair um pouco de casa e vá diminuindo pouco a pouco a atenção que dá para o pet, afinal, é isso que ele mais sentirá após o fim da quarentena.



Enriquecimento ambiental

Se você acompanha regularmente as nossas matérias aqui no Dicas Petlove, já deve saber que o enriquecimento ambiental é a melhor forma de manter o pet entretido enquanto está sozinho, e ainda livrá-lo de alguns problemas comportamentais causados pelo ócio, como destrutividade, agressão, busca incessante por atenção, entre outros.

Essa é uma tática que deve ser bastante explorada pelos pais a fim de fazer com que o pet não sinta tanto a solidão. Todavia, vale destacar que um ambiente rico é essencial para que um cachorro ou gato viva saudavelmente, portanto, não pense que isso serve apenas para preparar o pet para ficar sozinho.

Se atente ao momento de saída/ chegada

Após o retorno da rotina, os pais humanos devem se sentir ansiosos para ver como o filho de quatro patas se comportou durante a sua ausência. Mas é preciso ter cautela e evitar aquelas famosas festas que eles fazem quando os humanos chegam em casa. Essa felicidade, que é mais presente em cães, são traços de ansiedade, por isso, a ideia é ignorá-los de cinco a 10 minutos, para que os ânimos se acalmem e ele fique mais tranquilo. Só depois deste período o ideal é cumprimentar o peludo da forma que ele merece.

Quando estiver de saída para o trabalho, encare o momento como uma simples despedida, como se estivesse indo apenas até a esquina, para que o pet não encare como uma momento grandioso que merece total tristeza por parte dele.

Horários

A volta da sua rotina também será a responsável por trazer a rotina do pet à tona. Se ele tinha horários fixos para fazer as refeições antes da quarentena, tente acostumá-lo a comer neste mesmo tempo quando ainda estiver em casa. Essa dica também vale para os passeios, afinal, você não poderá caminhar com o seu pet em qualquer momento do dia. Por exemplo, se antes da pandemia você passeava com ele pela manhã, faça o mesmo agora.

Produtos

Por último, aqui na Petlove temos diversas opções de produtos que com certeza lhe ajudarão a fazer com que o seu filho de quatro patas fique mais tranquilo neste momento de “separação”. O Floral Animal Flower, por exemplo, ajuda no equilíbrio emocional e ajuda a acalmar pets que estejam agressivos, agitados, raivosos intolerantes ou impacientes. Se o seu cão ou gato for mais ansioso, também existe a opção que traz equilíbrio ao estado emocional dele.

.

FONTE: Pet Love



Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE