PUBLICIDADE
R$ 300 MILHÕES INVESTIDOS

Shopping de Várzea Grande é aberto ao público nesta terça-feira (17)

Empreendimento gerará renda, empregos e abrirá as portas para 366 mil clientes do município

Da Redação

Equipe

16/11/2015 14h21 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Com investimentos que superam a cifra dos R$ 200 milhões, o novo empreendimento da Cidade Industrial, abrirá suas portas nessa terça-feira (17). O Várzea Grande Shopping contara com com 35 mil m² de Área Bruta Locável (ABL) entre lojas satélites, âncoras e megalojas.

Com localização privilegiada, em frente ao Aeroporto Internacional Marechal Rondon, o empreendimento atenderá uma área de influência de 366 mil habitantes e oferecerá pela primeira vez serviços dentro de um shopping center, como a primeira unidade do Ganha Tempo da cidade, que inicia os serviços no em dezembro.

O shopping já abres suas portas com a Campanha de Natal, promoção que em cada R$ 100 gastos, os participantes ganham cupons para concorrer a dois terrenos no empreendimento Florais da Mata, em Várzea Grande, e a dois carros modelo HB 20 zero quilômetro.

“Desde o lançamento, no processo de comercialização e em cada evento que promovemos nesses quase três anos de obra, ficou clara a certeza de sucesso do nosso shopping. A população várzea-grandense esperou por muito tempo e nada mais justo do que ganhar um empreendimento completo, moderno e planejado com muito carinho”, ressalta a superintendente do Várzea Grande Shopping, Marne Prates.

Principais lojas

Estão presentes no shopping gigantes do varejo como Renner, Riachuelo e Lojas Americanas. Além delas, marcas regionais como Avenida, City Lar, Planet Park, Livraria Janina e Studio Z também estarão presentes. Os cinemas serão da rede Cineflix, e a rede de academias Smart Fit terá uma unidade no shopping. 

Algumas lojas escolheram o empreendimento para abrir suas portas pela primeira vez dentro de um shopping em Mato Grosso. É o caso da Farmácia Unimed, Sorveteria Nevaska, Bolo de Arroz e Cia e Farmácia de Manipulação Naturalis.

De acordo com o presidente da Saga Malls, Fernando Maia, Várzea Grande era uma das poucas cidades no país com quase 300 mil habitantes sem shopping center. “Não medimos esforços para trazer sólidas marcas e ainda valorizar as particularidades regionais, cuidando de cada detalhe para que o shopping atenda a população várzea-grandense”, revela o empreendedor.

Renda e trabalho

A geração de emprego para a região é mais um dos destaques do empreendimento. A estimativa é que sejam gerados cerca de 3.500 empregos diretos e indiretos com a inauguração do shopping. O grupo empreendedor do Várzea Grande Shopping é formado pela união de sólidas empresas, como a Saga Malls, especializada em gestão de shopping centers, Grupo São Benedito, GMS Imobiliária e Construtora e o Grupo AS. 

Com Assessoria

.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE