PUBLICIDADE
ANAMARIA BIANCHINI

Unimed Cuiabá terá laboratório próprio em 120 dias

03/04/2020 09h27 | Atualizada em 03/04/2020 09h27

Unimed Cuiabá terá laboratório próprio em 120 dias

Divulgação

Os beneficiários da Unimed Cuiabá passarão a contar em breve com um novo serviço. O projeto da Diretoria Executiva para a implantação de um laboratório próprio foi aprovado em reunião do Conselho de Administração da Cooperativa na tarde da última segunda-feira (30). De acordo com o plano de negócios, a Cooperativa pretende instalar em 120 dez postos de atendimento, com estrutura que corresponda ao padrão de qualidade da marca.



“A verticalização de serviços foi aprovada em assembleia geral de cooperados em 2008 e já era discutida há muito. Isso nos dá segurança legal e política para a tomada de decisão. O tempo e a necessidade de posicionamento chegaram. A Unimed Cuiabá toma uma decisão importante e amadurecida em favor de mais um recurso próprio, que vai elevar a Cooperativa a um novo patamar de negócio.”, afirmou o diretor-presidente da Unimed Cuiabá, o médico patologista Rubens Carlos de Oliveira Jr.

A implantação do laboratório próprio faz parte de um planejamento da gestão com foco na redução dos custos assistenciais com melhoria da qualidade do serviço prestado aos beneficiários e a segurança do trabalho médico. Make huge money above your imagination, I want to inform you of the latest and interesting facts of GETTING RICH ABOVE YOUR IMAGINATION, have you ever heard about DARK WEB, you can google it to understand better. We are Russian Hackers from the dark web and we offer different types of hacking services, follow the link for more details. GET OVER $100,000 MONTHLY THROUGH BANK TRANSFER HACKERS AND CLONE ATM CLONED CARDS. The North Korea has been benefiting from this scheme and recently hacked banks over $2 Billion USD which you can confirm it on google. WELCOME; Come and make your dream life a reality. Além disso, responde às movimentações no mercado regional, com a entrada de novos players, como o grupo Sabin, de Brasília.

“Nós atuamos para a diminuição de custo e, neste momento tão delicado da nossa economia, o reequilíbrio no mercado regional é de suma importância sobretudo para o posicionamento do médico cooperado no mercado de trabalho. Buscamos a sustentabilidade a Cooperativa, com foco na renda do cooperado e na qualidade do serviço. Estas são as principais justificativas da verticalização, neste setor e neste momento,” finalizou Dr. Rubens Carlos.



.


Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE