PUBLICIDADE

Artigos - Página 245

Banco

Pela última vez escreverei sobre a máfia dos bancos. São instituições parasitas que, atreladas ao poder, têm como função principal extorquir o povo.

Iludir

Quando o governo quer desviar a opinião pública de algum fato grave que está acontecendo por puro descaso gerencial, contrata uma boa agência de publicidade para produzir peças de fantasia sobre o problema que sufoca a população.

Culturas

Lamentavelmente constatamos prevalecer entre nós a cultura, atualmente muito em moda, “de o nada saber.”

Mulher de César

“À mulher de César não basta ser honesta, tem de parecer honesta.”

O IBAMA CUMPRE SEU PAPEL

Finalmente o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) cumpriu seu papel de gestor e protetor do meio ambiente quando no dia 1 de Fevereiro de 2013 publicou uma instrução normativa que autoriza o controle do javali europeu em todo o território nacional.

É pra dar em doido!

É pra dar em doido!

Texto e foto de Valéria del Cueto   Quero mudar de assunto, mas rodo, rodo e lá está ela, a verde e rosa, malemolente e bela, executando seus passos e volteios no meu campo de visão e incendiando minha imaginação. Se não para louvá-la, como gostaria, para esclarecer alguns pontos que tem causado polêmica em relação a seu desfile.   Quando vejo, por exemplo, as manifestações de moradores de Cuiabá chicoteando o jequitibá, citado na letra do samba de 2013, chego a conclusão que sim, os 3,6 milhões de reais, destinados a Escola de Samba, deveriam ter ido para a... educação em Cuiabá. É incrível a incapacidade vigente de interpretar um texto, coisa que a gente aprende no colégio, ao contrário do samba, como já dizia Noel Rosa em um de seus clássicos, “Feitio de Oração”:  “Batuque é um privilégio / Ninguém aprende samba no colégio / Sambar é chorar de alegria / É sorrir de nostalgia / Dentro da melodia...”.   Ora, vejamos o que diz o segundo refrão da composição de Lequinho, Jr. Fionda, Igor Leal e Paulinho Carvalho que tanta celeuma tem provocado, incluindo aí uma discussão acalorada sobre os locais em que o tal Jequitibá é natural ou está plantado na cidade:   “Mangueira...O trem da emoção /Viaja na imaginação / Meu samba é madeira, é jequitibá / É poesia dedicada a Cuiabá”   Senão, vejamos:   Mangueira – não a árvore, mas a escola de samba Gres. Estação Primeira de Mangueira.   O trem da emoção – observem que não diz que é o trem da razão. A emoção nos permite... imaginar! E o que é a Mangueira? A estação primeira, onde se realiza o embarque rumo a ela.   Viaja na imaginação – até por que assim dá pro trem  chegar, ou melhor chegar mais rápido, o que só pode ser no imaginário, já que a gente sabe que esse trem verdadeiro está “devagar, quase parando”, como a Maria Fumaça, de Kleyton & Kledir.   Meu samba... – o feito pelos compositores da Mangueira, a escola de samba, e escolhido após uma acirrada disputa que dura meses.   é madeira, é jequitibá. – quer dizer que o ritmo, a música da Mangueira é de lei, é nobre, principalmente se for de jequitibá rosa, uma madeira duríssima!   É poesia... – poesia não é reportagem, nem documentário histórico. É imagem, ritmo, sensação e também pode ser idealização.   Dedicada á Cuiabá – dedicar não é descrever. Significa consagrar, tributar, oferecer, destinar. Enfim não há nenhum lugar que diga que o Jequitibá é cuiabano, existe nas terras do Sutil ou algo assim. “Jequitibá” é o samba mangueirense, “madeira de dar em doido”, segundo José Ramos e Marcelino Ramos, na música que todo mangueirense de fé já cantou: Mangueira é uma floresta de sambista / Onde o jequitibá nasceu / Veio fogo, queimou veio vento, tombou /  machado, o jequitibá ficou   Resumindo: precisamos muito do verdadeiro jequitibá pra dar nos doidos que deixaram o povo cuiabano incapaz de interpretar um simples texto!   * Link das músicas citadas: Feitio de oração http://youtu.be/d_-dZqnlABM //Maria Fumaça http://youtu.be/Yd51SuxyA1w //Jequitibá - http://youtu.be/QPRp7di0thQ   *Valéria del Cueto é jornalista, fotógrafa e gestora de carnaval. Essa crônica faz parte da série “Ponta do Leme”,  do SEM FIM... delcueto.cia@gmail.com 

Efeito Renan

Nunca, jamais, em tempo algum, uma eleição para a Presidência do Senado teve tanta repercussão de desesperança no futuro do Brasil como esta.

O que espero

Um jovem jornalista perguntou-me o que espero daqui para frente em relação ao desenvolvimento do nosso país e, em especial, do nosso Mato Grosso.

E deu no que deu!

Leio que a FIFA está preocupada com a falta de leitos hospitalares em Cuiabá. Como piada de verão, nem cócega faz.