PUBLICIDADE
EDIR PINA DE BARROS

É Primavera!

24/09/2021 16h23 | Atualizada em 27/09/2021 15h35

É Primavera! Grita, em coro, a flora,



A flora, que verdeja, dia a dia,

Apesar da queimada - quem diria! -

Apesar da queimada, ela se enflora...



É Primavera! Grita, em coro, a flora,

Um grito de alegria, poesia,

Um grito de esperança, que irradia

Imensa paz no peito de quem chora...

Enflora a flora flores e as floradas

De ipês, dos cajueiros, dos pequis,

Nos campos antes secos, tão crestados.

Ressurge a vida, aos poucos, das queimadas,

Gorjeiam sabiás e bem-te-vis

Que encantam corações desencantados.

Edir Pina de Barros é membro da Academia Brasileira de Sonetistas e da Academia Virtual de Poetas de Língua Portuguesa. Seus poemas estão disponíveis em vários livros, antologias, revistas eletrônicas e nas mídias sociais. É doutora e pós-doutora em Antropologia pela USP, professora aposentada (UFMT). Nasceu no Mato Grosso do Sul e hoje reside em Brasília.



Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE