PUBLICIDADE
WÂNIA MONTEIRO

Cuidado com o excesso de sal.

02/09/2021 11h04 | Atualizada em 02/09/2021 11h10

A pressão alta é uma doença crônica que acomete, aproximadamente,35% da população brasileira. É causada por estresse, excesso de peso, ser fumante, falta de atividade física e alimentação desequilibrada. Em relação à alimentação, um dos principais problemas é o excesso de sódio. O sal de cozinha tem aproximadamente 40% de sódio, por exemplo, ao ingerirmos 1g de sal, menos que 1 colher de cafezinho, estamos comendo 400mg de sódio. O nosso corpo necessita de sódio para realizar diversas funções, mas não em excesso. A Organização Mundial de Saúde recomenda o consumo de 2g de sódio e 5g de sal por dia (1 colher de café rasa). Existem estudos mostrando que a população brasileira consome em média 12g de sal por dia. E o problema não está no sal que adicionamos na comida, mas sim o sal que não vemos como no macarrão instantâneo, que possui 2,9g de sal e, se adicionarmos o tempero pronto que o acompanha, passa para 6,8g. Os temperos prontos em sache ou em cubinhos, como caldo de legumes e de carne possuem 2 a 3 g de sal. Comecem experimentando temperos naturais como alho, cebola, louro, manjericão, orégano, tomilho, etc. Além de muito sabor, eles enriquecem de nutrientes o nosso prato e o nosso organismo. Lembrem-se de ler os rótulos dos alimentos, se a quantidade de sódio for maior de 400mg ou o sal vier como principal ingrediente e primeiro da lista, não use, pois, tem muita quantidade de sal. Faça o sal de ervas:





1 colher de sopa de alecrim desidratado

1 colher de sopa de manjericão desidratado

1 colher de sopa de orégano desidratado

3 colheres de sopa de louro

1 colher de sopa de sal

Misture todos os ingredientes no processador ou liquidificador.

Guarde num pote de vidro escuro dentro da geladeira e vá temperando seu alimento. Fica uma delícia e assim consumimos menos sal.



Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE