PUBLICIDADE
Lucas Garcia

O Mosteiro da Batalha- Portugal

01/10/2018 09h25 | Atualizada em 01/10/2018 09h32 2 comentarios


“Jornalismo é uma surpresa todos os dias”. Essa foi a lição que eu aprendi esta semana. Depois de ter escrito o meu último artigo percebi o que realmente eu queria escrever. Eu gosto de escrever sobre turísmo, e não pensem que eu não levo isto a sério. Para mim ainda é dificil dividir a escola com o jornal. 
Mas eu irei falar mais a respeito disto com o decorrer do tempo, agora vamos ao que interessa. Hoje eu irei falar sobre o grande, lindo e histórico Mosteiro de Santa Maria da Vitória, mais conhecido como Mosteiro da Batalha.
O Mosteiro da Batalha é um monumento lindíssimo construído na freguesia da Batalha em 1385 e finalizado em meados de 1563 em agradecimento A Virgem Maria pela vitória concedida ao exército português sobre o exército castelhano em Aljubarrota.
No Mosteiro da Batalha estão sepultados o D. João I, Filipa de Lencastre, o infante D. Henrique, o Infante D. João, D. Isabel, D. Fernando, D. Afonso V, D. João II, D. Duarte e também o Soldado Desconhecido( são soldados homenagiados pelo seu sacrifício em batalhas portuguesas).
Uma das coisas mais cruciais para a vitória de Portugal foi o general Nuno Álvares Pereira que conseguiu com apenas 7000 soldados vencer o grande exército espanhol de 30 000 soldados. Vocês devem estar se perguntando “ Como o o exército castelhano mais do que quatro vezes maior perdeu contra o português? ” simples, na verdade  nem tanto, os portuguêses ficaram dias e dias escavando armadilhas no terreno de Aljubarrota e foi também o posicionamento em forma de quadrado. E desta forma eles confundiram o exército castelhano que se renderam de imediato. 
Agora vamos voltar a falar sobre o monumento. Até o dia 28 de outubro de 2018 irá se realizar uma esposição do grande e mundialmente famoso Mircea Roman,” Sacrifício ” é o nome da esposição. Há outra exposição que, desta vez, vai durar até julho de 2019 e é uma expocisão fotográfica de António Barreto. 
O Mosteiro da Batalha tem 14 locais turisticos para visitar: O Portal Principal da Igreja, arquitetado pelo mestre Huguet. A Nave Central da Igreja, uma das maiores de Portugal e com 36,5 metros de altura, estas duas partes são de visita gratuita, a partir de agora todos os locais que vou mensionar são pagos. A Capela do Fundador, D. João I pensou nela e novamente Huguet pois as mãos em obra. O Túmulo Duplo de D. João I,  e D. Felipa de Lencastre foi mandado construir pelo própio D. João I. O Clautro de D. João I, Um dos mais belos e se não o mais belo claustro  de toda a arquitetura portuguêsa. A Casa do Capítulo uma única abóbada sem suporte central, é belíssima. O Vitral da Casa do Capítulo, datado desde o século XVI. O Antigo Dormitório/Centro Interpretativo, era onde dormiam os frades. O Antigo Refeitório/Museu das Oferendas ao Soldado Desconhecido, ocupado desde 1924 como Museu de Oferendas do Soldado Desconhecido. O Claustro Afoncino, é erguido em 2 andares. Grande Portal das Capelas Imperfeitas, as Capelas Imperfeitasão e o Balcão das Capelas Imperfeitas, lindo, sem palavras, não dá para descrever tanta beleza a arquitetura é incrível! Para finalizar o Túmolo duplo de D. Duarte e D. Leonor, D. Duarte copiou a ideia de seu pai D. João I.
Aqui finalizamos o artigo espero que tenha vos ajudado ou simplismente aumentado o vosso conhecimento sobre história, geografia e turísmo de Portugal, e venham conhecer este lindo país repleto de maravilhas.
 

 

2 COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. Parabens Lucas. Cada dia Melhor. Vc é show!!! Lindo lugar. Otimo Artigo!!!

  2. Muito bom, quero visitar na próxima ida a Portugal, Lucas você está um ótimo com seus artigos; parabéns.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE