PUBLICIDADE
SAFRA 2017/2018

Imea divulga primeira estimativa de milho, algodão e atualiza de soja

Os dados apontam para um aumento na safra de algodão, queda na de milho e traz o encerramento da safra 16/17 de soja com queda de 2% na produção.

17/11/2017 11h22 | Atualizada em 17/11/2017 11h35 14 comentarios

Imea divulga primeira estimativa de milho, algodão e atualiza de soja

Reprodução

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) divulgou este mês a primeira estimativa para Mato Grosso da safra 2017/2018 de milho e algodão e o fechamento da safra 16/17 da soja. Os dados apontam para um aumento na safra de algodão, queda na de milho e traz o encerramento da safra 16/17 de soja com os dados de sensoriamento remoto. Além disso, apresenta a projeção da safra 17/18 de soja com queda de 2% na produção.

No caso do algodão, houve uma grande mudança em relação ao ano anterior. Estima-se um aumento de quase 100 mil hectares de área no estado, sendo 15,8% a mais do que foi projetado no ano passado: de 626 mil hectares para 725 mil hectares em Mato Grosso. Quanto à produtividade do algodão, houve uma queda de 5,4% em relação ao ano anterior.

“Com esse aumento de área e queda da produtividade, a expectativa para a safra 17/18 de algodão é de pouco mais de 1,15 milhão de toneladas de pluma, que devem ser produzidas no estado. O aumento em relação ao ano passado é de 9,5%”, diz o gestor técnico do Imea Ângelo Ozelame.  

Ozelame explica ainda que o aumento de área é reflexo dos melhores preços negociados antecipadamente pelos produtores. “Isso animou os produtores a aumentarem suas áreas. Até outubro deste ano, a comercialização da safra 16/17 estava em quase 56%. E agora a parte da produção que ainda vai começar a ser semeada, em dezembro, já está comercializada e isso implica no aumento da área”, analisou.

Milho

Partindo para outra cultura de segunda safra, que é o milho, o cenário é um pouco diferente. Devido aos preços baixos em 2017 e problemas na semeadura da soja, que impactam diretamente no tamanho da janela da semeadura do milho, a expectativa é de queda na área de produção para o estado, saindo de 4,7 milhões de hectares no ano passado para 4,25 milhões de hectares este ano. “Considerando isso, houve uma queda de 10% em relação ao ano passado que é bastante expressiva. E isso se deve a esses problemas que tivemos tanto na semeadura como nos preços baixos”, pontuou.

Em relação à produtividade do milho houve uma queda de 9,37% em relação ao ano passado que foi considerada uma das maiores produtividades, com 107 sacas por hectares. Já na safra 17/18 a projeção é de 97 sacas por hectare. Segundo o gestor, quando é feita a junção de uma queda de área e uma queda de produtividade a produção acaba sendo muito afetada.

De acordo com o Imea, a projeção da queda para a safra 17/18 é de 18,75% em relação ao ano anterior, quando foi colhido mais de 30 milhões de toneladas. Para a safra 17/18 a expectativa é de pouco menos de 25 milhões de toneladas.

Quanto à comercialização da safra de milho, de acordo com os dados divulgados, é perceptível que ela está um pouco atrasada. Segundo Ozelame, até o momento foi comercializado 12% em relação aos quase 20% da safra passada. Isso se dá devido à instabilidade de área, produtividade e o andamento da safra de soja que tem uma grande influência sobre a de milho. “O produtor ainda está fazendo uma comercialização um pouco tímida com 11,8%”, apontou o gestor técnico.

Soja

Em relação à cultura de soja, o Imea fez o fechamento da safra 16/17 e a estimativa para a safra 17/18, que não trouxe grandes alterações. 

Na safra 16/17, por exemplo, a área total estimada foi de aproximadamente 9,4 mil hectares, representando um incremento de 12 mil hectares comparados com o último levantamento, ou seja, entre o estimado e o consolidado via sensoriamento remoto teve uma diferença de apenas 12 mil hectares. Sendo considerado, portanto, um grande acerto perante os mais de 9,4 milhões de hectares, sendo menos de 0,01% de ajustes.

Na estimativa de safra 17/18 não houve grandes alterações. A projeção de aumento de área é pequena, de 0,2%, sendo 9,4 milhões de hectares. Na produtividade da safra, em relação à passada, houve uma queda de 55,4 para 54,12 sacas por ha, uma queda de 2,31%.

“Levando em considerando que o ano passado foi um ano bom para a produtividade. E já em 2017 os produtores estão encontrando alguns problemas, como por exemplo, em algumas áreas os produtores estão sofrendo com o atraso na semeadura devido à baixa regularidade das chuvas.  E com isso temos uma queda na produção de 31,2 para 30,6 milhões de toneladas, ou seja, uma queda de 2,14%”, explicou Ozelame.

De acordo com a estimativa do Imea, comercialização da soja ultrapassa a casa dos 32%. Conforme explicou o gestor técnico, esse avanço ocorre em decorrência das variações dos preços da CBOT – Bolsa de Chicago e do dólar. No ano passado esses números eram de 36%.

“Os produtores estão aproveitando os repiques dos preços para fazer a comercialização com uma remuneração um pouco melhor”, finalizou Ozelame.

.

FONTE: Assessoria

14 COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. As the innovation of the time advanced, it likewise ended up conceivable to record onto a circle.nonton streaming liga champions

  2. Permainan Ceme sering disebut juga AduQ sedangkan ceme keliling permainan yang sama dengan BandarQ.Situs Togel Terpercaya

  3. John Arnold Is An Academic Writer Of The Dissertation-Guidance. Who Writes Quality Academic Papers For Students To Help Them In Accomplishing Their Goals. Online Homework Help Online

  4. I agree with what you share. It will be very useful information for everyone. Hope your next posts are as well 192.168.l.l

  5. 192.168.1.1 I thank you for the information! I was looking for and could not find. You helped me!

  6. According to the survey Corn, Soybean and Cotton are the most important thing for the economy of every country and nowadays the whole world understands the benefits of these things Assignment Service another famous online service for students and they can connect with this service easily via online.

  7. Home Depot is a popular home utility product seller which sells tools, construction products, and even services. Being an organization in the service sector. homedepot survey | homedepot survey | homedepot.com/survey.

  8. According to a survey conducted by a dissertation proposal writing service company, the corn that was produced this year, was more average ratio according to the previous year. I am sure that new innovations in agriculture has played their part well.

  9. Corn gives many health advantages because of the nearness of value supplements inside. Other than being a delicious addition to any supper Assignment Service UK, it is rich in phytochemicals and gives protection against a number of chronic diseases.

  10. Cultivating looks compelling simple when your furrow is a pencil and you're a thousand miles All the nourishment we eat - each grain of rice and part of corn - has been hereditarily adjusted. None of it was here before humanity figured out how to develop crops. The inquiry isn't whether our sustenance has been adjusted, yet how. What happens when corn and wheat costs rise is that we see genuine increments in lack of healthy sustenance and under-nourishment. Furthermore UK Assignment Writing Service, when youngsters are malnourished, their mental health really backs off and is influenced. So this isn't only a transient effect. The day of fortune resembles a reaping day, We should be occupied when the corn is ready.

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE