PUBLICIDADE
COTA

Feijão caupi é o que mais sofreu com a queda do dólar

Assim como o carioca em São Paulo e o preto no Rio de Janeiro, o feijão caupi é ­importante fonte de proteína no Norte e ­Nordeste do País

12/09/2017 07h50 | Atualizada em 12/09/2017 08h01

Feijão caupi é o que mais sofreu com a queda do dólar

Reprodução

Então, coube aos caupis sofrer o maior impacto com a queda do dólar. Caiu como uma bomba, sobretudo porque os preços para exportação já estão mais baixos do que 30 dias atrás.

Os preços que permitem que algum volume ainda seja exportado representam não mais do que R$ 50 FOB Paraná.

FONTE: Agronotícias

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE